Eleições 2016

Vamos surpreender nas urnas, diz Francisco Jr

Francisco Júnior destacou que, apesar de privilegiar os candidatos mais conhecidos, é favorável à nova legislação eleitoral.




A coligação Renovando Goiânia realizou neste sábado (24) mais uma grande carreata com seu candidato à prefeitura, Francisco Júnior (PSD), o presidente e secretário Vilmar Rocha e lideranças, desta vez passando por bairros da região Sudoeste, Centro e Sul da capital. “Estou animado e acredito que nessa reta final vamos ter um crescimento espontâneo e surpreender nas urnas. Vamos fazer mais uma grande carreata, no último dia de campanha, e continuar com as caminhadas, o contato com a população, e se for possível intensificar mais, nós vamos intensificar”, afirmou o candidato.

Francisco Júnior destacou que, apesar de privilegiar os candidatos mais conhecidos, é favorável à nova legislação eleitoral. “Está sendo uma campanha muito rápida, mas com muitas qualidades. O poder econômico está diminuindo. Ela privilegia quem já é mais conhecido, porque temos praticamente 30 dias. Nesse tempo eu tive que me apresentar, conquistar a confiança das pessoas, pra na reta final pedir o voto. Mas considero uma grande oportunidade, sou favorável a que seja desse jeito”, afirmou.

O vice, Coronel Pacheco (PTB), destacou seu entusiasmo e afirmou estar confiante na aceitação das ruas às ações e propostas da coligação. “Fico motivado. Percebo no sorriso das pessoas, no seu olhar, a aceitação com a nossa passagem durante a carreata. É motivador. As pessoas estão se definindo e aceitando bem nossa campanha. Reta final e percebemos que as pessoas querem mudança”, disse Pacheco.

Já o presidente do PSD metropolitano, Dagoberto Menezes, afirma que o tom propositivo tem sido o diferencial e está sensibilizando o goianiense. “Nós estamos otimistas. Fizemos uma campanha propositiva. O Francisco apresentou bem suas ideias, suas propostas, uma campanha muito bonita. Estamos conseguindo sensibilizar a população de Goiânia, que deseja mudança, que acredita no novo”, afirmou o candidato.