Do Mais Goiás

Vacinação contra Covid-19 segue para pessoas a partir de 50 anos em Goiânia

Segundo a Prefeitura, 14,1% da população goianiense recebeu a vacinação completa. Cerca de 33,88% receberam a primeira dose

Número de brasileiros com primeira dose de vacina supera 70 milhões
Número de brasileiros com primeira dose de vacina supera 70 milhões (Foto: Jucimar de Sousa / Mais Goiás)

A vacinação contra a Covid-19 continua na faixa etária a partir dos 50 anos, nesta segunda-feira (21), em Goiânia. O público-alvo por idade foi ampliado no último sábado (19), após envio de novas remessas da Pfizer e Coronavac pelo Ministério da Saúde, na semana passada. Ainda não há previsão para novo avanço.

A remessa com vacinas AstraZeneca, que chegou a Goiás no domingo (20), são exclusivas para a segunda dose. Por isso, pelo menos por enquanto, não há possibilidade de diminuição da faixa etária na aplicação dos imunizantes contra o coronavírus na capital. A Secretaria Municipal de Saúde aguarda novos envios para avaliação.

Segundo balanço da pasta, até o domingo, 513.675 pessoas tomaram a primeira dose da vacina contra a Covid-19 em Goiânia. O grupo que mais recebeu doses foi de idosos a partir de 60 anos: 206.313. A segunda dose foi aplicada em 213.814 pessoas. A maioria também de idosos: 154.402.

Com isso, 14,1% da população goianiense recebeu a vacinação completa — com reforço. Enquanto para a primeira dose foram 33,88%.

Onde se vacinar

Ao todo, 21 postos atendem grupos prioritários, gestantes sem comorbidades e pessoas a partir de 50 anos da população em geral. A UPA Jardim América continua destinada à aplicação da segunda dose da Coronavac para quem está em atraso.

Pessoas a partir de 50 anos sem comorbidades e grupos prioritários são atendidos em 20 unidades de saúde, por agendamento através do aplicativo Prefeitura 24 horas. Nelas, o atendimento vai das 8h às 17h, somente na modalidade pedestre. As gestantes sem comorbidades podem dirigir-se à Área I da PUC, também para pedestres, sem necessidade de agendamento. Lá, o atendimento vai das 8h às 16h.

A documentação exigida para cada grupo, além de documento com foto, CPF e comprovante de endereço, pode ser verificada no site oficial da Prefeitura de Goiânia. Por fim, quem está com o reforço da Coronavac em atraso pode receber o imunizante na UPA Jardim América, sem agendamento. Basta levar documento com foto, CPF e comprovante da primeira dose (cartão de vacinação).

Confira o balanço completo:

Balanço Vacinação Goiânia – atualização 21/06/21 (8h)
Doses aplicadas até 19/06/2021

Primeira Dose

– Trabalhadores da Saúde: 102.347
– Segurança e Salvamento: 8.711
– Pessoas com comorbidades: 100.822
– Idosos institucionalizados: 831
– Idosos acamados: 3.351
– Demais idosos (a partir de 60 anos): 202.131
– Total de idosos: 206.313
– Trabalhadores da Educação: 25.454
– Pessoas em situação de rua: 150
– População Privada de Liberdade: 16
– Trabalhadores do transporte aéreo: 1.455
– População Geral: 67.136
– Gestantes: 1.229
– Caminhoneiros: 42

Total Primeira Dose: 513.675

Segunda Dose

– Trabalhadores da Saúde: 57.954
– Segurança e Salvamento: 1.299
– Idosos institucionalizados: 789
– Idosos acamados: 3.039
– Demais idosos (a partir de 60 anos): 150.574
– Total de idosos: 154.402
– Pessoas com comorbidades: 107
– Trabalhadores da Educação: 22
– População Geral: 30

Total Segunda Dose: 213.814

Total geral da vacinação: 727.489