Do Mais Goiás

Usuários de ônibus acusam motorista de colisão proposital em batida com 16 feridos

Segundo empresa, motorista foi fechado, precisou realizar manobra brusca e colidiu contra árvore. Usuários dizem que condutor tentava atingir motociclista

Passageiros acusam motorista de colisão proposital (Foto: leitor/Mais Goiás)
Passageiros acusam motorista de colisão proposital (Foto: leitor/Mais Goiás)

Um ônibus do transporte coletivo bateu em uma árvore na noite desta segunda-feira (3) na GO-060, na entrada do Conjunto Vera Cruz 2, em Goiânia. Pelo menos 16 pessoas ficaram feridas com a colisão. Gravações mostram passageiros recebendo ajuda de populares e de policiais militares. De acordo com a Viação Reunidas, empresa responsável pela linha 052, o coletivo foi fechado por um motociclista em frente ao terminal Vera Cruz, de modo que o motorista precisou realizar uma manobra brusca para não atingi-lo. Passageiros, em outro vídeo, porém, afirmam que a intenção do condutor era de chocar o ônibus contra a moto, propositalmente.

Oito passageiros foram atendidos no local e oito precisaram ser encaminhados para unidades hospitalares da Capital, mas nenhum deles está em estado grave. Além de afirmar estar prestando assistência a todas as vítimas, a Reunidas disse que colabora com as autoridades que investigarão a colisão. O motociclista que teria provocado o acidente fugiu do local, e ainda não foi identificado.

“Acidente proposital”

Por outro lado, o Mais Goiás teve acesso a vídeos em que passageiros do coletivo afirmam que o motorista do ônibus tinha a intenção de colidir contra o mencionado motociclista. “Motorista tentou atingir motociclista de propósito, bateu feio, deixou muita gente machucada”, afirmou um dos usuários do sistema de transporte. Assista: