Cidades

Uber começa a funcionar em Goiânia

A partir das 14h de hoje (29), já será possível desfrutar do aplicativo





//

O polêmico aplicativo de motoristas particulares Uber passa a funcionar em Goiânia. A capital é a sétima cidade brasileira atendida pelo serviço de motoristas particulares que tem gerado polêmica no mundo todo com os taxistas.

Para usá-lo, basta baixar o aplicativo, criar seu perfil – ou usar o próprio Facebook – e registrar um cartão de crédito. Desde o início de janeiro os motoristas goianienses estariam se capacitando para compor a frota da capital (segundo O Popular, cerca de 100 a 150 veículos).

A taxa base da corrida é R$ 2,50, bem abaixo da dos táxis. Pelo celular, o usuário pode estimar o preço da corrida, escolher o trajeto e recebe informações sobre o motorista, como foto, modelo e placa do carro e, o mais importante, a avaliação daquele condutor por outros usuários.

Para se manter rodando, o condutor precisa ter uma nota acima de 4,7, sendo o máximo 5. O motorista só recebe a localização do usuário após o passageiro dar o ok na corrida. Todo pagamento é feito por cartão de crédito: 25% do valor fica com a empresa e o resto vai para o motorista.

Com o Uber oficialmente na cidade, vamos ver como vai ficar a situação entre eles e os taxistas.