Do Mais Goiás

Turista sofre ataque de piranhas no Lago Corumbá

Empresário diz que foi mordido no pé esquerdo ao nadar no local


//

O empresário Rafael Salomão diz que foi atacado por piranhas ao nadar no Lago Corumbá, em Caldas Novas.

Segundo ele, os peixes o morderam no pé esquerdo e não havia avisos sobre os riscos no local. “No momento da mordida eu saí nadando, subi na lancha e puxei um amigo que estava na água”, disse ele ao jornal Bom Dia Goiás, da TV Anhangeura (Globo).

Após perceber o ferimento, Rafael, que mora em Goiânia, procurou o primeiro atendimento em um posto de saúde de Caldas Novas. Depois, seguiu para a capital. Ele terá que tomar remédios por dez dias para evitar infecções.

A esposa de Rafael, a advogada Cristiane Morgado, diz que vai entrar com uma ação na Justiça contra a Prefeitura de Caldas Novas.

Procurada, a administração municipal informou que vai criar ações de proteção para evitar novos ataque.