Homofobia

Transexual ‘crucificada’ na Parada Gay denuncia ter sido vítima de agressão

Em um vídeo publicado no Facebook, ela mostra o rosto machucado e um corte no braço.




Viviany Beleboni, transexual conhecida por protestar contra a transfobia encenando a crucificação na Parada LGBT de São Paulo deste ano, publicou na noite deste sábado (8) um vídeo em seu perfil do Facebook, em que afirma ter sido agredida na rua por um desconhecido.

Abalada, Viviany conta que um homem a reconheceu na rua e, com uma faca, a atacou. Nas imagens, ela mostra o rosto machucado e um corte no braço.  “Ele disse que não sou de Deus, que sou um demônio e o que eu fiz, eu teria que pagar”, disse ela.

Assista ao vídeo

 

//

Viviany Beleboni é ESFAQUEADA e AGREDIDA EM SÃO PAULO

Posted by Viviany Beleboni on Sábado, 8 de agosto de 2015

Tópicos