GOVERNO LIBEROU

Times paulistas podem voltar a treinar a partir de 1º de julho

Treinos não ocorrem desde meados de março, quando partidas foram canceladas por causa do coronavírus


Agência O Globo
Agência O Globo
Do Agência O Globo | Em: 17/06/2020 às 14:43:55

Diferente de São Paulo, Maracanã se prepara para receber Flamengo x Bangu nesta quinta-feira Foto: Foto: Divulgação Flamengo
Diferente de São Paulo, Maracanã se prepara para receber Flamengo x Bangu nesta quinta-feira Foto: Foto: Divulgação Flamengo

O governo de São Paulo anunciou, nesta quarta-feira, que os times paulistas de futebol estão liberados para retomarem os treinos a partir de 1º de julho. No entanto, as partidas de futebol seguem suspensas, disse o governador de São Paulo, João Doria. O cenário é diferente no Rio de Janeiro, onde o já tem partida de futebol marcada para esta quinta-feira.

Aprovado pelo Centro de Contingência do Coronavírus em São Paulo, o retorno dos treinos deverá obedecer a uma série de protocolos impostas à Federação Paulista de Futebol. Jogadores e comissão técnica deverão realizar, por exemplo, testes regulares para verificar infecção por coronavírus.

Além disso, os treinos devem ocorrer com limitação de pessoas, sem torcida, e todos os participantes devem usar máscaras e realizar medição de temperatura.

– As regras foram acordadas com a Federação Paulista de Futebol e o Centro de Contingência para o coronavírus em São Paulo – explicou João Doria, em coletiva de imprensa no Palácio dos Bandeirantes.

Em 13 de março, quando o estado registrava 46 casos de coronavírus e nenhuma morte, o governo cancelou todo tipo de evento com mais de 500 pessoas. No mesmo dia, São Paulo registrava o primeiro caso de transmissão comunitária do vírus. Desde então, estão suspensos em São Paulo eventos esportivos, artísticos, culturais, científicos e religiosos.

Segundo Carlos Carvalho, coordenador do centro de contingência, a primeira solicitação de retomada de atividades esportivas veio da Federação Paulista de Futebol.

– Por isso que a primeira resposta é para os clubes da série A1. Há necessidade de que eles se adaptem às solicitações que foram feitas. No momento, áreas que englobam salões de beleza,  bares, restauranres e outras atividades esportivas estão sendo avaliada – disse.

A liberação não permite que municípios enquadrados na classificação vermalha do Plano São Paulo realizem treinos de futebol.