Do Mais Goiás

Thiago Peixoto deixa o governo para retomar mandato na Câmara

Deputado ressaltou que sua saída da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SED) não afetará o relacionamento com o governador Marconi Perillo

O deputado federal Thiago Peixoto (PSD) anunciou nessa sexta-feira (08/07) sua saída da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SED) do Governo de Goiás. Em uma carta publicada nas redes sociais, ele afirma que vai retomar o mandato na Câmara dos Deputados para contribuir “na estruturação de uma agenda de superação da crise política e econômica” atual.

“Há um ano e meio atrás eu entendia que a circunstância que eu mais poderia contribuir, o espaço que eu mais poderia colaborar com o nosso Estado era como secretário. E desenvolvi uma série de projetos nessa área: o Goiás Mais Competitivo, o Consórcio Brasil Central, entre outros. A circunstância mudou. O Brasil hoje pede por ações muito fortes e o palco dessas ações é o congresso nacional, por isso eu decidi retomar o mandato”, explicou Peixoto em um vídeo publicado nas redes sociais.

No vídeo, o deputado ainda ressalta que a decisão foi “bem conversada e discutida com o governador” e que ela os aproxima ainda mais. “Vou continuar servindo e trabalhando ao lado do governador pelo nosso Estado”, ressaltou.

Leia na íntegra a carta aberta de Thiago Peixoto:

Oportunidade foi o que eu sempre tive ao lado do Governador Marconi Perillo. Como Secretário da Educação, rompemos diversas barreiras, elaboramos e implementamos o Pacto Pela Educação, projeto este responsável pelo grande avanço da qualidade do ensino goiano, e que levou nosso estado a conquistar o primeiro lugar no ranking do IDEB, que mede a qualidade da educação. Saltamos do 16º lugar para o 1º, entregando aos goianos o melhor ensino médio público do país.

Já na Secretaria de Gestão e Planejamento, contribuí para a criação do Consórcio Brasil Central, uma inovadora ferramenta de formulação e implementação de políticas públicas de desenvolvimento, com atuação conjunta em seis estados. Também, lançamos o programa Goiás Mais Competitivo, iniciativa que visa colocar Goiás entre os estados mais competitivos do país.

Aliás, estes dois projetos, dos quais participei direta e ativamente e ajudei a colocá-los em funcionamento, foram os que me incentivaram a vir para o governo no início de 2015, quando meus planos me direcionavam para assumir o mandato parlamentar em Brasília.

Como Secretário de Desenvolvimento, minha mais recente missão no Executivo, destaco o trabalho pela defesa e fortalecimento da política de incentivos fiscais, ferramenta vital para atração de investimentos e, principalmente, para a geração de mais empregos.

Hoje, deixo o Governo Estadual por entender que como brasileiro, goiano e homem público, devo contribuir, como Deputado Federal, na estruturação de uma agenda de superação da crise política e econômica que vivemos.

O Brasil atravessa uma fase extremamente delicada e creio que passa pelo Congresso Nacional boa parte das decisões importantes para que o País deixe para trás esse momento ruim.

Sendo assim, reassumo meu mandato na Câmara de Deputados, para colaborar com a construção de uma nação capaz de superar seus desafios.

Ao encerrar essa etapa de trabalho, reafirmo o meu compromisso com Goiás, e fortaleço a minha aliança com o governador Marconi Perillo, agradecendo-o, mais uma vez, pela confiança em mim depositada.

Thiago Peixoto – Deputado Federal (PSD)