MGAlysson Lima 
Projeto que propõe prazo máximo de espera de usuários no pontos de ônibus em Goiânia é aprovado
Transporte Coletivo
04/07/2018 às 13:00:39

Projeto que propõe prazo máximo de espera de usuários no pontos de ônibus em Goiânia é aprovado

Texto passou pela segunda votação e agora segue para sanção ou veto do prefeito de Goiânia, Iris Rezende. Se aprovado, empresas terão 90 dias para se adequar as mudanças necessárias

Projeto de Lei propõe tempo máximo de espera dos usuários em pontos de ônibus de Goiânia
Transporte Coletivo
28/06/2018 às 11:58:35

Projeto de Lei propõe tempo máximo de espera dos usuários em pontos de ônibus de Goiânia

De autoria do vereador Alysson Lima (PRB), o texto ainda destaca o aperfeiçoamento dos aplicativos já existentes e indenização aos usuários, caso se sintam lesados

Novo secretário de Infraestrutura será ouvido na CEI das Obras Paradas
CEI Obras Paradas
06/04/2018 às 13:33:30

Novo secretário de Infraestrutura será ouvido na CEI das Obras Paradas

Comissão investiga razões por trás da paralisação de 40 obras públicas no município. Segundo presidente da CEI, participação é um convite para analisar prejuízo que pode chegar aos R$ 40 milhões

MPF exige providências da Prefeitura sobre obras de CMEIS paradas desde 2015 em Goiânia
Atraso
20/03/2018 às 13:03:13

MPF exige providências da Prefeitura sobre obras de CMEIS paradas desde 2015 em Goiânia

Órgão aguarda resposta formal do município até segunda-feira (26). Segundo procurador, dinheiro está garantido, mesmo assim 10 obras estão abandonadas ou paralisadas na cidade

Projeto prevê descontos em contas de água e energia em caso de falta de fornecimento
Câmara de Goiânia
20/10/2017 às 11:07:22

Projeto prevê descontos em contas de água e energia em caso de falta de fornecimento

Descontos serão somados e concedidos por dia que não houver os serviços

Vereador quer saber valor das despesas do Paço com mutirões
Câmara Municipal de Goiânia
06/06/2017 às 15:43:56

Vereador quer saber valor das despesas do Paço com mutirões

Em contrato com a Técnicas Promocionais de Eventos Ltda, a Prefeitura de Goiânia fez compromisso de R$ 2,8 milhões