Residencial Buena Vista

Suspeitos de roubo a banco são mortos em tiroteio com a PM, na BR-060

Segundo a corporação os suspeitos estavam armados, usavam luvas e colete à prova de balas


Thaynara Cunha
Do Mais Goiás | Em: 10/12/2019 às 10:44:23


Quatro suspeitos de roubo a banco morreram, na madrugada desta terça-feira (10), após tiroteio com a Polícia Militar (PM). O caso ocorreu às 2h, na BR-060, nas proximidades do Residencial Buena Vista, saída para Abadia de Goiás. O que mais chamou a atenção da polícia foi o fato de os quatro homens estarem armados, usando luvas e coletes à prova de balas.

Conforme explica o comandante da equipe, aspirante Cunha, os suspeitos estavam em um Chevrolet Corsa e seguiam um Toyota Corolla, o qual conseguiu fugir antes da abordagem policial. Os militares patrulhavam a região quando desconfiaram dos ocupantes dos carros.

Os policiais, segundo Cunha, emitiram sinais sonoros para que os carros parassem no acostamento, mas foram ignorados. Em seguida, os suspeitos teriam empreendido fuga, atirando contra a viatura. Os militares, então, teriam revidado. Após alguns minutos, o motorista do Chevrolet Corsa perdeu o controle da direção e colidiu contra o meio-fio. 

Em uma nova tentativa de fuga, o motorista e um dos ocupantes do Corsa desceram do carro atirando contra a polícia, que os atingiu. O Corpo de Bombeiros chegou a ser acionado, mas ao chegar no local os suspeitos já haviam morrido.

Durante busca a veicular foram encontrados diversos explosivos e ferramentas usadas para explodir caixas eletrônicos. Ao todo, quatro pessoas ocupavam o veículo. De acordo com Cunha, todos estavam armados. “A principal suspeita é de que os envolvidos estavam a caminho de Abadia de Goiás para explodir caixas eletrônicos do município. Nós realizamos diligências, mas não conseguimos localizar o Corolla”, declara. 

Uma equipe da Polícia Técnico Científica está no local realizando perícia.

*Thaynara da Cunha é integrante do programa de estágio do convênio entre Ciee e Mais Goiás, sob orientação de Hugo Oliveira