Do Mais Goiás

Suspeitos de roubar relógios de luxo morrem em tiroteio com a Rotam

De acordo com a polícia, trio integrava quadrilha de São Paulo e estava em Goiás para cometer delitos. Apreensão reúne armas de fogo e veículos; um suspeito está foragido

Um dos roubos foi flagrado por câmeras de segurança (Foto: reprodução/PC)
Um dos roubos foi flagrado por câmeras de segurança (Foto: reprodução/PC)

A prisão de um homem em flagrante por roubo de relógio de luxo em Goiânia levou a Polícia Militar a uma residência onde demais membros de uma quadrilha especializada estavam, em Aparecida de Goiânia. No local, três suspeitos foram mortos após intensa troca de tiros com militares da Rotam; dois outros fugiram e ainda não foram capturados. De acordo com a corporação, o endereço servia de base de apoio para o grupo, que veio de São Paulo.

A mencionada detenção aconteceu na Avenida 85, depois que a motocicleta que o suspeito conduzia foi rastreada ao ser detectada após tentativa de roubo no Jardim Goiás, na quarta-feira (27). O homem, que estava com um revólver calibre 32 confessou o crime e delatou os companheiros.

No endereço indicado, Bairro Santo Antônio, os militares foram recebidos a tiros por cinco homens que estavam no imóvel. No confronto, três deles foram baleados e morreram antes mesmo da chegada do socorro. Dois, no entanto, conseguiram fugir em um Fiat Argo.

Quatro revólveres calibre 38, uma Sportage, três motocicletas, caixas usadas por entregadores de comida por aplicativo, quatro aparelhos de telefone celular e quatro relógios foram apreendidos na residência. Investigações apontam que a quadrilha estaria agindo há pelo menos uma semana em Goiânia.

A suspeita é de que os fugitivos tenham vindo à Goiânia apenas para buscar os relógios roubados nos últimos dias.

Na sexta-feira passada, a ação de um dos integrantes da quadrilha foi registrada por câmeras de segurança. O fato aconteceu no Setor Marista, quando o proprietário de um Porsche ficou sem um relógio da marca Rolex.

** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe do Portal www.EMAISGOIAS.com.br pelo WhatsApp (62) 98272-3896 ou entre em contato pelo (62) 3259-6500