Do Mais Goiás

Supermercado Extra no Setor Serrinha é interditado

Vigilância Sanitária encontrou diversas irregularidades no local. Polícia Civil vai instaurar novo inquérito para investigar caso

A unidade do supermercado Extra no Setor Serrinha, em Goiânia, foi interditada na manhã de hoje (06) pela Vigilância Sanitária. Segundo a chefe de fiscalização de alimentos do órgão, Tânia Agostinho, foram encontradas no local diversas irregularidades na higiene e conservação de alimentos.

Desde o ano passado o supermercado tem sido interditado pelos mesmos motivos. Em novembro, um inquérito foi aberto na Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Contra o Consumidor (Decon) e o gerente da unidade chegou a ser preso. ” Encontramos gatos, ratos e fezes de animais por todo lado.Desde o ano passado estamos lutando para eles se adequarem às irregularidades e eles não fizeram, e novamente interditamos, mas dessa vez não só o depósito, mas o supermercado todo”, adiantou Tânia.

Ainda segundo a chefe de fiscalização, as câmaras frias do supermercado estão em condições precárias e foram apreendidos diversos produtos fora dos padrões de qualidade. “Os depósitos estão insuportavelmente inaceitáveis, não tem condição de continuar. Não tem controle de higiene, de limpeza, de nada”, afirmou.
Depósito
A equipe da Decon também está no local e vai instaurar um novo inquérito para apurar o caso. Segundo a Polícia Civil, o crime de relações de consumo prevê pena de dois a cinco anos aos responsáveis pela manutenção e gestão do estabelecimento. O gerente do supermercado não estava no local e, por isso, não foi preso em flagrante.

Em nota, o Extra disse que a unidade não corresponde aos padrões exigidos pela companhia e que “a loja está tomando todas as providencias necessárias para correção, conforme orientação dos órgãos.”