Do Mais Goiás

Suárez está fora da Copa; uruguaio é suspenso por 9 jogos

O jogador foi suspenso por ter cravado os dentes no zagueiro italiano Chiellini

O atacante uruguaio Luis Suarez pega uma suspensão de nove jogos e quatro meses e está fora da Copa do Mundo. O Uruguai enfrenta a Colômbia no Maracanã no sábado e, se vencer, joga contra o Brasil nas quartas-de-finais. Mas sem o melhor jogador da liga inglesa em campo.

Suarez foi condenado pela mordida que deu em um zagueiro italiano durante o jogo que eliminou o time de Balotelli na primeira fase da Copa do Mundo. Criticado por ex-jogadores, presidentes e até psicólogos, Suarez entra na lista de grandes jogadores que ficam de fora de parte de um Mundial por agressões ou por comportamento inadequado.

O time uruguaio vinha alertando nos últimos dias que seu jogador estava sofrendo “perseguição” e que uma punição seria resultado de uma iniciativa da imprensa inglesa, além de uma conspiração do Brasil.

A Federação Uruguaia de Futebol chegou a pedir solidariedade entre os cartolas sul-americanos, justificando que “a região vê o futebol” de uma “outra forma”. Para os dirigentes uruguaios, a mordida jamais aconteceu.

Essa foi a terceira vez que Suarez foi condenado por morder um adversário. Na Holanda, ele pegou sete jogos de suspensão. Na Inglaterra, em abril, ele foi suspenso com dez jogos.

ARRASTAR

Mas o caso corre o risco de se transformar em uma batalha judicial. Os uruguaios esperaram até o último minuto do prazo dado pela Fifa para apresentar a defesa. Isso obrigou a entidade a se reunir pela noite de ontem.

A delegação de Montevideu ainda indicou que vai recorrer da decisão. Uma apelação ainda poderia ser levada à Corte Arbitral dos Esportes, com sede em Lausanne. Ao contrários dos Jogos Olímpicos de 2012, o tribunal optou por não se transferir para o Rio. Mas a entidade está de prontidão, caso uma disputa ocorra.

Suarez também deve perder dinheiro. 888poker, uma das empresas que o patrocina, deixou claro que “não vai tolerar esse comportamento” e que vai “rever sua relação” com o jogador. A Adidas também indicou que está monitorando o caso e relembra o jogador de “suas responsabilidades”.

De Alcides Ghiggia ao presidente do Uruguai, as condenações vieram de forma dura contra o jogador que foi eleito o melhor da Liga Inglesa no ano e tem sido decisivo para o Uruguai.