Do Mais Goiás

Sobre ações de Maguito, Vanderlan diz: ‘Trabalho por campanha limpa’

Justiça eleitoral deferiu liminares pela suspensão da propaganda eleitoral do pessedista por uso de cenas no Senado e pela exclusão imediata de um texto publicado em rede social

Vanderlan participa da Sabatina Mais Goiás e BandNews FM nesta terça
Vanderlan participa da Sabatina Mais Goiás e BandNews FM nesta terça

Para o candidato a prefeito pelo PSD em Goiânia, Vanderlan Cardoso, as ações movidas contra ele pela coligação do candidato Maguito Vilela (MDB), são normais. De acordo com ele, “a coligação Goiânia Em Um Novo Momento trabalha por uma campanha limpa, sem ataques e com propostas”.

Vanderlan afirmou, ainda, que sua equipe jurídica está preparada para responder a todos os questionamentos e corrigir, caso haja consistência nas denúncias.

Vale lembrar, após duas ações da coligação coligação Pra Goiânia Seguir em Frente, de Maguito Vilela, a justiça eleitoral deferiu liminares pela suspensão da propaganda eleitoral do pessedista por uso de cenas no Senado; e a pela exclusão imediata de um texto publicado em rede social por gráfico desproporcional.

Antes disso, no domingo (11), o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-GO) retirou do ar inserções de um programa do candidato. À época, o juiz plantonista Alderico Rocha Santos entendeu que a propaganda violava necessidade de citar nome da coligação e dos partidos, garantindo segundos extras. Confira esta liminar AQUI.

Frisa-se que, segundo pesquisa Grupom, divulgada no último dia 9 de outubro, Vanderlan e Maguito são os dois candidatos mais bem colocados na corrida pelo paço de Goiânia. Vanderlan, naquele momento, estava com 47,6% das intenções de voto e Maguito com 16,1%. A dupla é seguida por Adriana Accorsi (PT), 13%.