Crise de abastecimento

Em Goiânia, 60% dos postos de combustíveis estão sem etanol neste sábado

Dado é do Sindiposto, que justificou que fechamento de distribuidora de Senador Canedo no feriado e bloqueios registrados na sexta-feira (25) agravaram a situação


Kayque Juliano
Do Mais Goiás | Em: 26/05/2018 às 13:26:05

No Setor Sul, posto está sem etanol e gasolina | Foto: Mais Goiás
No Setor Sul, posto está sem etanol e gasolina | Foto: Mais Goiás

Segundo o Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo no Estado de Goiás (Sindiposto) estima que 60% dos postos de combustíveis em Goiânia já estão com falta de etanol na manhã deste sábado (26). No interior, estimativa é que 70% dos postos já enfrentam a falta de pelo menos um dos produtos.

O Mais Goiás percorreu algumas ruas da região central da capital e flagrou alguns postos sem combustíveis. Em um estabelecimento no Setor Sul, não só o etanol, mas a gasolina também começou a faltar no início da tarde deste sábado.

Em nota, o Sindiposto justificou que a falta de combustível na capital e no interior se intensificou após o fechamento da distribuidora de Senador Canedo na quinta-feira (24) e a continuidade dos bloqueios registrados na sexta-feira (25). O texto diz ainda que a previsão é que a situação se agrave caso não haja mudanças no cenário.

O Ministério Público do Estado de Goiás e a Superintendência de Proteção aos Direitos do Consumidor (Procon Goiás) alertaram, por meio de nota, que estão atentos aos aumentos dos preços dos combustíveis praticados pelos postos goianos, inclusive por meio da realização de investigações e fiscalizações. O comunicado afirma ainda que quaisquer indícios de abusividade ensejarão as medidas cabíveis em desfavor dos forncedores responsáveis.

A escassez de combustível em postos do interior e da capital é causada pela paralisação das rodovias, realizada pelos caminhoneiros. O ato é contra sucessivos aumentos no valor dos combustíveis, especialmente do diesel.