Operação

Servidores públicos são alvos de mandados judiciais por corrupção e lavagem de dinheiro em Goiás

Ao todo, serão cumpridos 87 mandados judiciais dentre os quais de busca e apreensão, prisão, afastamento de funções públicas e uso de tornozeleiras eletrônicas


Jessica Santos
Do Mais Goiás | Em: 12/09/2019 às 11:44:52

Servidores públicos de Goiás são alvos de mandados judiciais em operação contra Foto: Reprodução/Google Street View
Servidores públicos de Goiás são alvos de mandados judiciais em operação contra Foto: Reprodução/Google Street View

Servidores públicos de Goiás são alvos de mandados judiciais em operação contra corrupção e lavagem de dinheiro. A ação, que ocorre a nível nacional e é articulada pelo Grupo Nacional de Combate às Organizações Criminosas (GNCOC), foi deflagrada na manhã desta quinta-feira (12). No Estado, o Ministério Público de Goiás (MP-GO) presta apoio à operação.

Ao todo, serão cumpridos 87 mandados judiciais dentre os quais de busca e apreensão, prisão, afastamento de funções públicas e uso de tornozeleiras eletrônicas. O objetivo da operação, segundo o GNCOC, é combater crimes contra a administração pública praticados por servidores.

A operação investiga crimes de corrupção ativa e passiva, peculato, peculato eletrônico, participação em organização criminosa, associação criminosa, fraude à licitação, lavagem de dinheiro, tráfico de influência, falsidade ideológica e material e fraude processual.

O Mais Goiás entrou em contato com os órgãos responsáveis pela operação para apurar mais detalhes, mas foi informado de que um balanço geral com o resultado da ação deve ser divulgado no final do dia.