INVESTIGAÇÃO

Servidor é afastado após vazamento de ameaças a presos de Formosa

Promotoria já abriu uma investigação; Administração Penitenciária determinou apuração e quer levantar veracidade do conteúdo


Jairo Menezes
Do Mais Goiás | Em: 03/07/2018 às 20:48:32

(Reprodução: TV Anhanguera)
(Reprodução: TV Anhanguera)

Mensagens de um grupo de mensagens instantâneas supostamente de agentes penitenciários de Formosa, entorno de Brasília, teriam vazado. Um dos integrantes, com mesmo nome do diretor da Casa de Prisão Provisória da cidade, Ednei Dias dos Santos, endossa as ameaças.

Trecho de ameaças (Reprodução)

Trecho de ameaças (Reprodução)

Promotor de Justiça, Dougças Chegury informou ao Mais Goiás que tomou conhecimento das conversas, e que já iniciou uma apuração para apurar o conteúdo. “Não temos nenhum antecedente violento deste presídio. Mesmo com poucas condições, os servidores fazem o trabalho íntegro, e cumprem o esperado. Mesmo assim, vamos apurar todo esse conteúdo, respeitando a presunção de inocência.”

Trecho de ameaças (Reprodução)

Trecho de ameaças (Reprodução)

A Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP) tomou conhecimento do problema e informou ter determinado a instalação de sindicância para apurar os fatos. Informou também que um servidor foi identificado como autor de mensagens desrespeitosas, mas não disse o nome do servidor, apenas disse que ele foi imediatamente afastado até que as investigações sejam concluídas.

Veja trechos das transcrições:

— Amanhã ele vai ter epilepsia com força. Amanhã a gente vê quem é machão.

— Amanhã estaremos aí pra mostrar para esses pebas que quem manda aí somos nós.

— Vamos começar pela cela 11 e jogar a culpa ne pelas coisas que irão perder.

— Advogado vagabundo, pior que os presos. Cara de baitola, jeitinho de mamãe quero ser biba.

— Infelizmente essa bicha tem que ficar em sala de Estado maior. Nojo de fazer parte dessa OAB

Trecho de ameaças (Reprodução)

Trecho de ameaças (Reprodução)