Selena Gomez lança clipe dirigido por brasileiro e gravado no Ceará; assista

'Baila conmigo' é a segunda faixa divulgada para o EP 'Revelación', que será lançado em março

baila conmigo Selena Gomez lança clipe dirigido por brasileiro e gravado no Ceará; assista
(Foto: Reprodução)

A cantora Selena Gomez lançou, nesta sexta-feira (29), seu novo single, “Baila conmigo”. Ao lado da já divulgada “De una vez”, as músicas integram o EP “Revelación”, com lançamento previsto para 12 de março. Uma novidade: o clipe de “Baila conmigo” foi dirigido pelo brasileiro Fernando Nogari e gravado no Ceará.

A música conta com a participação do rapper Rauw Alejandro. A praia que vemos nas cenas é a Praia da Redonda, localizada na cidade de Icapuí, no litoral do estado nordestino.

Nogari, de 35 anos, compartilhou no Instagram alguns registros das filmagens do clipe no Ceará, que também teve cenas rodadas em Guadalajara, no México. Selena Gomez gravou suas participações em um estúdio de Los Angeles.

Internautas dizem que Faustão deixará Globo por causa de Selena Gomez

O anúncio de que Faustão pode deixar a Rede Globo após 32 anos de trabalho na emissora pegou a todos de surpresa. Ainda não há confirmação oficial, nem motivo por parte do apresentador. Entretanto, a web parece ter solucionado o mistério: ele quer ficar mais tempo com Selena Gomez.

Caso você, leitor (a), não esteja familiarizado, Faustão e Selena Gomez são um “casal” que vira e mexe movimenta o bom humor dos internautas em algumas ocasiões especiais. Até a própria Rede Globo já “shippou” os dois no aniversário do apresentador.

Há anos, a internet transformou o casal em um meme, após a viralização de You Are My Love, My Destruction, uma fanfic (história fictícia usando personagens reais) que colocava os dois como um par romântico.

A brincadeira tomou outro rumo quando fãs de Selena começaram a pedir para que o apresentador mandasse “um alô” para ela durante o programa (sabe aquele momento em que Faustão manda “um salve” para um punhado de gente? Pois bem…). E ele mandou!

Crítica: ‘After Hours’ e a nostalgia psicodélica de The Weeknd; leia aqui