Pan-Americano

Seleção sofre, mas bate dominicanos e avança para a final

A equipe ergueu o troféu pan-americano em cinco oportunidades: Cáli 1971, Indianapolis 1987, Winnipeg 1999, Santo Domingo 2003 e Rio de Janeiro 2007.




A Seleção Brasileira de basquete está na final dos Jogos Pan-Americanos pela oitava vez na história. Na semifinal disputada com a República Dominicana na tarde desta sexta-feira, a equipe passou por apuros, mas confirmou o favoritismo e venceu por 68 a 62.

A equipe ergueu o troféu pan-americano em cinco oportunidades: Cáli 1971, Indianapolis 1987, Winnipeg 1999, Santo Domingo 2003 e Rio de Janeiro 2007. Há quatro anos, em Guadajara, a equipe teve uma campanha vexatória e sequer passou da fase de grupos. Rumo ao hexa, o Brasil aguarda o resultado entre Estados Unidos e Canadá para conhecer seu adversário na decisão.

Cestinha na vitória por 93 a 83 contra os Estados Unidos na quinta, o ala-armador Vitor Benite repetiu a boa atuação e foi novamente o maior pontuador, com 18 unidades, além de cinco rebotes e uma assistência. Augusto Lima chegou ao duplo-duplo com 15 pontos e 11 rebotes. Larry Taylor contribuiu com 11 pontos.

Entre os dominicanos, o cestinha foi James Stokley, com 15 pontos e quatro rebotes. Andres Feliz e Angel Suero contribuíram com 11 unidades cada, ao passo que Edward Santana marcou oito pontos e pegou nove rebotes.