Futebol

Seleção feminina estreia no Torneio das Nações com derrota

Time de Marta e companhia é superado pela atual campeã Austrália por 3 a 1 no Children's Mercy Park, nos Estados Unidos


Estadao Conteúdo
Estadao Conteúdo
Do Estadao Conteúdo | Em: 26/07/2018 às 20:13:41

Foto: Reprodução Twitter
Foto: Reprodução Twitter

A seleção feminina do Brasil estreou com derrota na segunda edição do Torneio das Nações nesta quinta-feira (26). O time de Marta e companhia foi superado pela atual campeã Austrália por 3 a 1 no Children’s Mercy Park, em Kansas City, nos Estados Unidos.

O Torneio das Nações é um quadrangular amistoso disputado em solo norte-americano. Também integram a competição o Japão e a seleção anfitriã. Na primeira edição da competição, que tinha os mesmos participantes, a Austrália levou o título e o Brasil foi o último colocado.

Nesta quinta-feira, as australiana aproveitaram o primeiro tempo ruim das brasileiras para deixar a vitória bem encaminhada. Desligado, o time brasileiro demorou a acordar na partida e permitiu que o rival abrisse dois gols de vantagem em 38 minutos.

A lateral direita Poliana, em cabeceio infeliz na primeira trave, marcou contra logo aos 8 minutos. Butt aproveitou nova falha da defesa brasileira e ampliou o placar aos 38 minutos. A diferença de gols foi bem administrada pela seleção da Oceania até as equipes descerem aos vestiários para o intervalo.

O cenário dos primeiros minutos de jogo se repetiu no início da etapa final, com a Austrália superior em campo e eficiente. A maior qualidade técnica se transformou em outro gol aos 5 minutos. Kerr recebeu em velocidade e chutou no alto para marcar o terceiro gol.

Com as mudanças do técnico Vadão, que colocou Camila e Adriana em campo, a equipe apresentou melhora e finalmente conseguiu pressionar o adversário. Marta, indicada pela Federação Internacional de Futebol (Fifa) à lista das dez finalistas ao prêmio de melhor jogadora do mundo pela 14ª vez – a brasileira tem cinco troféus – apareceu mesmo que tardiamente e mostrou que ainda é capaz de fazer a diferença.

Aos 34 minutos, Marta fez bela jogada individual pela esquerda e cruzou rasteiro para Debinha desviar e diminuir a vantagem das australianas, que àquela altura, já não era mais possível ser revertida.

O próximo jogo da seleção brasileira será contra as japonesas, às 17h15 (horário de Brasília) no domingo, no Pratt & Whitney Stadium, em East Hartford. No mesmo dia, às 19 horas, a Austrália enfrenta os Estados Unidos.