Do Mais Goiás

Segurança será reforçada em 76 municípios do estado no Carnaval 2019

Ação integrada entre as forças policiais do estado contará com mais de quatro mil agentes e equipes específicas para cidades turísticas

A proposta da Operação de Carnaval 2019 da Secretaria de Segurança Pública de Goiás (SSP-GO) é integrar as forças policiais em 76 municípios estratégicos para coibir a criminalidade e garantir mais segurança à população durante o período de festa. A ação foi lançada na manhã desta sexta-feira (1°), no pátio da Academia da Polícia Militar (PM), no setor Leste Universitário.

Mais de 4,1 mil agentes devem participar da operação: mais de três mil PMs, além de viaturas, um helicóptero e drones na vigilância de eventos e rodovias. 39 delegados da Polícia Civil, 123 agentes, 80 escrivães e 52 viaturas estarão em cidades do interior, além da estrutura permanente  das Centrais de Flagrante de Goiânia, Aparecida de Goiânia, Trindade e Águas Lindas.

Além disso, serão montadas bases integradas de segurança nas cidades com maior volume turístico como Alto Paraíso, Caldas Novas, Cidade de Goiás, Goianésia e Pirenópolis. Cerca de 320 integrantes do Corpo de Bombeiros Militar serão designados para cidades do interior. Mais de 174 viaturas serão distribuídas em 41 postos de atendimento em rodovias e balneários turísticos. Além do helicóptero operacional para emergências.

A segurança nos presídios também será reforçada pela Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP), com 600 agentes prisionais. A Superintendência de Polícia Técnico-Científica (SPTC) vai aumentar o efetivo plantonista nos núcleos regionais onde o fluxo de turistas deve aumentar. Já o Procon Goiás vai atuar na fiscalização de distribuidoras de bebidas.

Balanço

O secretário ainda afirmou que houve queda de 21,56% no número de homicídios em relação ao mesmo período do ano passado. Segundo a SSP, é o menor patamar de janeiro nos últimos sete anos. O índice de tentativas de homicídio foi o menor em cinco anos, com queda de 18,03%.

De acordo com a apuração, também houve queda de 53,31% nos roubos de veículos e 45,45% nos roubos ao comércio, assim como a redução de 10,20% nos casos de estupro. “Nossas forças policiais estão atentas e vão continuar atuando de forma incisiva para coibir o crime”, disse o secretário.

Segundo Rodney, três modalidades apresentaram alta: latrocínios (28,57%), roubos em residências (26,89%), furtos ao comércio (55,97%) e furtos em residências (6,68%). O secretário garantiu o aumento do policiamento ostensivo para reduzir os índices.