Do Mais Goiás

Secretária da Fazenda ressalta que Goiás está economicamente no caminho certo

Ana Carla afirmou, em nota, que medidas adotadas pelo governo estadual evitaram colapso financeiro que acometeu diversos estados

A secretária estadual da Fazenda, Ana Carla Abrão, afirmou hoje, por meio de nota, que o retrato econômico do país aponta que as medidas adotadas pelo Governo de Goiás desde o início do ano passado estão corretas. Balanço divulgado recentemente relativo às receitas dos estados e gastos com pessoal reforçam, segundo a secretária, o acerto das ações do governo estadual, que puderam resguardar Goiás do colapso financeiro que acometeu outros estados da federação.

Ela ressalvou que o ajuste fiscal aprovado no final de 2014 e que teve início no ano passado permitiu que o Estado pudesse se manter no caminho de busca pelo reequilíbrio econômico sem sofrer impacto tão forte como outras unidades da federação. Reiterou que é necessário perseverar no ajuste e na busca do reequilíbrio fiscal de forma estrutural e perene. Dentre as medidas apontadas, citou a racionalização da folha de pagamento.

“Nessa linha, medidas como a Lei de Responsabilidade Fiscal Estadual e o Programa de Desmobilização do Estado, além da contínua redução dos gastos de custeio e de racionalização da folha, são ações que nos permitirão melhorar esses índices e retomar a capacidade de investimento do Estado”, disse. Ainda no início do ano passado, o governo estadual reduziu seis secretarias da estrutura administrativa e eliminou mais de cinco mil cargos comissionados, além de oito meil cargos temporários. Tal medida permitiu economia de R$ 3,5 bilhões ao cofre estadual no ano passado.

A secretária reafirmou que o Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Fazenda, vem ressaltando desde o ano passado que todos os estados sofreriam a frustração de receitas em função da crise econômica nacional. Reiterou que Goiás está economicamente no caminho certo e perseverará nas medidas adotadas até o presente momento.