Do Mais Goiás

Santa Casa de Anápolis encerra atendimento no pronto-socorro em definitivo

Atendimento será encerrado para o SUS e serão mantidos apenas os atendimentos de emergência obstétrica e oncológica

Foto: Santa Casa/Reprodução

A Santa Casa de Misericórdia de Anápolis vai encerrar, de forma definitiva, o serviço de pronto-socorro a pacientes do SUS a partir do dia 1º de julho. A informação foi confirmada em uma nota divulgada à população na qual a unidade justifica a decisão ao esclarecer que o serviço é subfinanciado e gera “grande prejuízo ao hospital”.

Conforme o documento, o atendimento será encerrado para o SUS e serão mantidos apenas os atendimentos de emergência obstétrica e oncológica. O encerramento ocorre após 25 anos em atividade.

O hospital explica que o serviço, “embora essencial à população, é subfinanciado, gerando grande prejuízo ao hospital”. “Há dois anos e de forma exaustiva, a Santa Casa vem apresentando esse grave problema aos gestores da saúde pública, contudo, sem solução”, declarou.

“A Santa Casa, na abertura do seu jubileu de 75 anos de fundação, agradece a todos os que se empenharam na luta pela continuidade desse serviço e reforça seu compromisso de oferecer o melhor de si à população”, finaliza a nota.