FolhaPress

Samantha Schmütz recupera conta no Instagram e desabafa: ‘Ditadura’

"Se minha conta foi desativada porque exponho as minhas opiniões, algo está errado", disse

atriz Samantha Schmütz recupera conta no Instagram e desabafa: 'Ditadura'
(Foto: Divulgação)

A atriz Samantha Schmütz, 42, recuperou sua conta no Instagram após ela ter sido desativada. A artista falou em censura e fez desabafos na rede social.
“Estamos caminhando para uma ditadura e a palavra não dita, dura”, postou Samantha. “Vamos fortalecer pessoas que se importam com a gente, com o coletivo. Pessoas que pensem”, emendou ela na rede.

Nas últimas semanas, Samantha bateu forte no governo Bolsonaro e criticou artistas que não se posicionavam e aqueles que faziam aglomeração na pandemia. Até mesmo uma confusão com a atriz Juliana Paes, 42, foi iniciada.

Após ser apoiada por alguns artistas como a atriz Mariana Lima e a cantora Duda Beat, Samantha Schmütz publicou um comunicado afirmando que não vai se calar.

“Não somos robôs e estamos aqui para dialogar. Se minha conta foi desativada porque exponho as minhas opiniões, algo está errado. Enquanto ainda existem pessoas que fazem posts preconceituosos ou até fotos com armas, por exemplo, e continuam livres”, escreveu.

Samantha Schmütz continuou: “O fato de eu ter feito um chamado à classe artística para se posicionar e exercer a influência que tem de forma responsável e coerente incomodou muita gente. Por que? Acho válido fazermos essa análise”, finalizou.

Na tarde de domingo (13), quando descobriu que a conta havia sido desativada, Samantha foi ao Twitter reclamar do que estava acontecendo.

“Querem me enterrar, mas esqueceram que sou semente”, disse ela. Não se sabe o porquê de a conta ter ficado indisponível. Normalmente, redes sociais como o Instagram tomam essa decisão após receberem denúncias contra determinada pessoa.

Ao UOL, o Instagram reconheceu o erro em nota e pediu desculpas à atriz pelo equívoco.

Samantha Schmütz critica festa no Copacabana Palace

A festa que aconteceu no Copacabana Palace em maio deste ano deixou muita gente revoltada não só com as cercas de 500 pessoas que se aglomeraram no espaço em plena pandemia, mas, principalmente com os artistas que se apresentaram no evento.

Alexandre Pires, Mumuzinho, Ludmilla e Gusttavo Lima foram duramente criticados por internautas que os acusam de hipocrisia, por reclamarem da Covid-19 nas redes sociais e pedirem isolamento social ao mesmo tempo em que participam de festas e apresentações.

Entre as celebridades, Samanta Schmütz foi a mais revoltada. Além de compartilhar informações sobre a falta de vacinas e comentar a festa no Copacabana Palace, ela postou uma mensagem no Stories do Instagram. VEJA AQUI!