Celebridades

Samantha Schmütz deixa táxi após motorista dizer que agrediu casal gay

"Estou muito apavorada com a falta de noção das pessoas com o espaço do outro", disse a atriz nas redes sociais


FolhaPress
FolhaPress
Do FolhaPress | Em: 21/05/2019 às 18:35:21

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

Samantha Schmütz, 40, usou suas redes sociais na manhã desta terça-feira (21) para contar indignada de uma situação que viveu dentro de um táxi no Rio de Janeiro. A atriz relatou que, durante uma conversa com um taxista que não fora identificado, o profissional confessou já ter batido em um casal gay por eles estarem se “agarrando em público”. No relato, Schmütz se diz apavorada com tudo o que ouviu.

“Tomar uma atitude enérgica, entendeu? Aí eu tomei e minha mulher ficou apavorada”, começa o taxista. “E o que você fez?”, questiona Samantha. “Eu dei uma coça nos dois”, rebate ele. “Você bateu nos dois caras porque eles estavam se beijando? O que é isso, moço?!”, diz ela.

“Dei uma coça. Não tinha lei, ainda, não tinha essa liberação total. Eles desrespeitaram todo mundo. Não tem nada a ver: um montão de casal hetero, ‘normal’, ninguém se beijando e por que os dois ficaram se agarrando ali? Não tinha por que fazer aquilo ali. Hoje as cabeças estão diferentes. Aí dei uma coça nos dois”, diz o taxista.

Nos vídeos seguintes, a atriz já está fora do carro e desabafa que saiu por conta da homofobia do profissional. “Mano, na boa, eu desci do táxi! Ele falou: ‘você está descendo por causa dessa minha história?’. Eu falei: ‘sim, estou descendo por causa dessa sua história! Por favor, pare o carro que não tenho como ficar aqui'”.

Assista ao vídeo do desabafo de Samantha Schmütz sobre o taxista e o casal gay:

Samantha contou que ficou apavorada com toda a situação e que a única saída para que casos preconceituosos como esse não se repitam é investindo em educação.

“Estou muito apavorada com a falta de noção das pessoas com o espaço do outro! É em todas as áreas, que tristeza! Por isso que a gente tem que lutar pela educação, porque sem educação as pessoas não têm como respeitar o limite do outro. Até onde vai o seu limite! Pelo amor de Deus, o que está acontecendo?!”.

Em todas as suas redes sociais, a atriz sempre faz posts defendendo o amor e lutando contra preconceitos de gênero, orientação sexual e raça.

(Foto: Divulgação)