Libertadores da América

River Plate é tri da Libertadores após 19 anos

O River Plate bateu o Tigres por 3 a 0 na decisão do torneio





//

Pela terceira vez na história, o Monumental de Núñez explodiu em festa pela conquista da América. Na noite desta terça-feira, o River Plate bateu o Tigres por 3 a 0 na decisão do torneio, e, após empate sem gols na ida, se sagrou tricampeão da Copa Libertadores, 19 anos depois de seu segundo título, e última oportunidade na qual havia chegado à final.

Os tentos que garantiram a taça ao time da casa em Buenos Aires foram anotados pelo atacante Lucas Alario, pelo meio-campista Carlos Sánchez (de pênalti) e pelo zagueiro Funes Mori.

As conquistas anteriores aconteceram em 1986 e em 1996, ambas decididas na casa dos Milionários diante do América de Cali-COL. Da segunda conquista, inclusive, o agora treinador Marcelo Gallardo participou como jogador (à época era um jovem meia promissor do River, atuando ao lado de estrelas como Hernán Crespo e Enzo Francescoli). Nesta quarta-feira, no entanto, Gallardo não esteve no banco de reservas, pois foi expulso no primeiro jogo e cumpriu suspensão. Em seu lugar, o auxiliar Matías Biscay ficou à beira do gramado.

Além disso, ao se sagrar campeão da Libertadores em 2015, a equipe argentina completa seu domínio em âmbito sul-americano, uma vez que havia conquistado a Copa Sul-Americana de 2014 e a última Recopa.