Da Redação
Do Mais Goiás

Restaurante em Goiânia doará comida para os mais carentes durante pandemia

Entrega será feita no próprio estabelecimento

Restaurante em Goiânia doará comida para os mais necessitados durante pandemia
Restaurante em Goiânia doará comida para os mais necessitados durante pandemia

O chef Marco Soares teve a iniciativa, em solidariedade aos mais necessitados e carentes, de doar marmitas durante o período de pandemia do novo coronavírus. Ele, que está à frente do restaurante Magna, em Goiânia, afirmou que a entrega será feita no próprio estabelecimento.

“Faremos um famoso ‘mexidão’, com arroz, feijão e carnes. Então, quem não tiver o que comer, poderá passar no restaurante para levar um marmitex que prepararemos com muito carinho”, disse. “Esse atendimento será realizado aos que nos procurarem no Magna e pelo telefone (62) 3998-0707, a partir desta segunda”.

A equipe de Marco também está arrecadando produtos de higiene pessoal para doar aos que precisam. Para a próxima quarta-feira (25), um grupo do Projeto Girassol irá buscar esses produtos para o Lar dos Idosos que eles atendem.

“É importante que as pessoas entendam que elas precisam ficar em casa, em isolamento social. Caso queira fazer uma doação, venha até o restaurante de carro, de moto ou como preferir, somente uma pessoa, liga, toca o interfone ou só deixa na porta e uma pessoa da nossa equipe pega a doação”, afirmou.

“Eu estou a disposição de todos que queiram ajudar, se quiserem falar comigo, podem me ligar no restaurante, me chamar no WhatsApp, eu também estou isolado, não podemos ter contato uns com os outros para evitar que o vírus se propague ainda mais. Toda doação será muito bem vinda e direcionada as pessoas carentes que realmente precisam”, completou.

Adaptações na pandemia

Segundo o chef, o restaurante teve de se adaptar durante o período de reclusão e fechamento do comércio por conta do novo coronavírus. O estabelecimento está funcionando apenas como Drive Thru e Delivery.

“Depois que fechamos as portas e mandamos nossa equipe toda para casa para se isolarem e se protegerem do Covid-19, começamos o Delivery, algo que nunca havia trabalhado, pois tinha muito receio do padrão cair”, contou. “Mas até agora, tenho tido um retorno muito positivo de como a comida está chegando até as pessoas e do sabor também”.