Nova casa

Reinaldo Gottino pede demissão da Record TV e vai para CNN Brasil

De acordo com o site Notícias da TV, o atual apresentador do Balanço Geral SP decidiu não renovar o contrato com a emissora que vence no próximo dia 30


Joao Paulo Alexandre
Do Mais Goiás | Em: 16/09/2019 às 19:28:48

Reinaldo Gottino sairá da Record TV no próximo dia 30 de setembro e irá para a CNN Brasil (Foto: Reprodução)
Reinaldo Gottino sairá da Record TV no próximo dia 30 de setembro e irá para a CNN Brasil (Foto: Reprodução)

O apresentador do Balanço Geral São Paulo, Reinaldo Gottino, de 42 anos, pediu demissão da Record TV nesta segunda-feira (16). De acordo com o o site Notícias da TV, o jornalista vai integrar à CNN Brasil. O próprio profissional fez o comunicado da demissão após o término do programa.

À reportagem, a Record TV confirmou a saída do jornalista, mas não deu mais detalhes sobre o assunto. O contrato de Reinaldo se encerra no próximo dia 30, data limite que o profissional ficará à disposição da emissora.

Ainda de acordo com o portal, na sucursal brasileira, Reinaldo terá um programa vespertino de política e economia. O formato contará com participações de jornalistas e especialistas. O projeto será multiplataforma que envolverá, além da TV por assinatura, podcast e redes sociais. O telejornal será nos moldes da CNN Internacional.

Com isso, o profissional terá um novo posicionamento de imagem. No Balanço Geral, Gottino apresentava notícias policiais e um quadro de fofoca em parceria com Fabíola Raipert. Agora, fará a cobertura dos principais fatos políticos, econômicos e internacionais.

Ele se juntará com Monalisa Perrone, que pediu demissão da Globo na última semana, e com outros ex-globais: Willian Waack e Evaristo Costa. Monalisa e Willian terão um telejornal no horário nobre. O ex-âncora do Jornal Hoje terá um programa de variedades diretamente de Londres, local em que mora.

Trajetória de Reinaldo

Reinaldo Gottino é formado em Jornalismo e pós-graduado em Comunicação Empresarial. Ele começou como locutor de rádio e trabalhou durante seis anos na CBN e atuou como repórter na Rádio Globo.

Na frente das câmeras, ele integrou o Jornalismo da Gazeta durante cinco anos e participou de programas como Mesa Redonda e Gazeta Esportiva. Ele foi contratado pela emissora de Edir Macedo em 2005, como repórter esportivo. Ao longo da carreira, ele ficou conhecido pelo público ao apresentar o SP Record, SP no Ar, Cidade Alerta e Esporte Record.

Logo após, o jornalismo passou como âncora do Balanço Geral SP em maio de 2014. Gottino também já esteve à frente de coberturas sérias como posses presidenciais, apurações de votos, o impeachment de Dilma Rousseff e a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.