Região da 44 espera receber 3 milhões de visitantes no fim do ano

A expectativa é que as vendas em 2019 aumentem até 12% no período. Movimentação financeira esperada é de quase R$ 2 bilhões


Da Redação
Do Mais Goiás | Em: 14/11/2019 às 19:02:59

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

A região da Rua 44, em Goiânia pretende receber 3 milhões de pessoas para as vendas de fim de ano. Essa é a expectativa da Associação Empresarial da Região da 44 (AER44). Os comerciantes esperam vender entre 8% e 12% a mais do que no mesmo período do ano passado.

O presidente da AER44, Jairo Gomes, acredita que o fortalecimento da economia irá contribuir para este cenário. Apesar disso, ele ressalta que que as fases ruins vividas recentemente não costumam afetar as vendas. “A região da 44, independente da economia, não conhece crise. A cada ano ela vem aumentando. Este ano devemos movimentar cerca de R$ 900 milhões em novembro e R$ 1 bilhão em dezembro”, completou.

De acordo com o presidente, as recentes inaugurações de novos empreendimentos na região também contribuirão para esse aumento. “Serão mais lojas, mais galerias, mais empregos, mais renda e mais perspectivas de venda”. O presidente afirmou também que o número de empresários da região aumentou. Até o final do primeiro semestre, o número de estabelecimentos era de 13.630. Agora já são 14.760, espalhados em 102 empreendimentos.

Expectativa hoteleira da região da 44

As festas de fim de ano são as mais esperadas pelos lojistas. Nesta época a região recebe um grande número de visitantes de várias regiões do país, o que aquece também o setor hoteleiro. O Hotel Go Inn, que fica na região, registrou uma  taxa de ocupação em um hotel da região foi de 95% e a expectativa é que este ano o número seja maior.

De acordo com o gerente do estabelecimento, Leonardo Pereira, mais da metade dos visitantes vem da região centro-oeste (51,8%). Em seguida vem o sudeste, com 22,8% e o norte, com 17,8%. Por fim, 6,5% vem do nordeste e 1,3% vem do sul.

Transporte gratuito

Na região da 44 costumam circular cerca de 800 mil pessoas por mês. A expectativa é que esse número dobre no final de ano. Para atender a demanda, o CityBus 2.0 será gratuito para os compradores.

O serviço começou a ser oferecido nesta quinta-feira (14) e vai até o final do ano. O funcionamento é de quinta-feira a sábado, das 8 às 15 horas, com paradas em pontos virtuais pré-estabelecidos na Avenida contorno, Rua 44 e Estação da Moda. No total, serão quatro pontos de embarque e desembarque.

A ação é fruto de uma parceria entre o Estação da Moda Shopping e a HP Transportes. Serão feitos estudos durante esse período para avaliar a possibilidade de manter a gratuidade do serviço.