Esportes

Raptors reintegra Bruno Caboclo após passagem por Liga de Desenvolvimento da NBA

Jogador brasileira passa 10 dias defendendo o Fort Wayne Mad Ants



O Toronto Raptors decidiu reintegrar ao seu elenco o ala brasileiro Bruno Caboclo, de apenas 18 anos, escolhido pela franquia canadense no Draft do ano passado. O jogador passou 10 dias defendendo o Fort Wayne Mad Ants na liga de desenvolvimento do basquete norte-americano, chamada de D-League.

O jovem formado pelo Pinheiros participou de três jogos do Mad Ants, uma espécie de filial do Raptors na D-League. Ele estreou bem com 13 pontos, sete rebotes e dois tocos em 20 minutos contra o Iowa Energy, mas não foi bem diante de Austin Spurs e Oklahoma City Blye. Em 18 minutos na soma das duas partidas, pegou só um rebote e errou todos os 10 arremessos que tentou.

A D-League serve para jogadores que não têm espaço na NBA mostrarem trabalho, mas também para atletas muito jovens, considerados crus, ganharem experiência. Este é o caso de Caboclo, uma vez que o Raptors aposta alto no jogador. Tanto, que o escolheu na primeira rodada do Draft deste ano.

Em seu primeiro ano na NBA, o ala brasileiro de 19 anos participou de somente três partidas até o momento, somando um total de 15 minutos em quadra. Sua melhor atuação aconteceu justamente na estreia, quando marcou oito pontos nos 12 minutos em que atuou. De lá para cá, foram três minutos divididos em duas partidas, mas ele não pontuou mais.