CPF CANCELADO

Quatro suspeitos de arrombar bancos morrem em confronto com a PM

Durante perseguição pela GO-469, entre Trindade e Abadia de Goiás, outros homens que estavam em um Corolla conseguiram fugir


Da Redação
Do Mais Goiás | Em: 23/09/2020 às 15:40:18

Uma troca de tiros terminou com a morte de quatro suspeitos de roubos a caixas eletrônicos entre Trindade e Abadia de Goiás. (Foto: divulgação/PM)
Uma troca de tiros terminou com a morte de quatro suspeitos de roubos a caixas eletrônicos entre Trindade e Abadia de Goiás. (Foto: divulgação/PM)

Uma troca de tiros ocorrida no final da noite de terça-feira (22), entre Trindade e Abadia, terminou com a morte de quatro suspeitos de roubos a caixas eletrônicos. Com o grupo, foram apreendidos três revólveres, e uma pistola.

Após receberem a informação que uma quadrilha explodiria caixas eletrônicos durante a madrugada na região metropolitana de Goiânia, equipes do 42º BPM montaram algumas barreiras em rodovias que dão acesso à Capital.

Pouco depois das 10 da noite de ontem, os condutores de dois veículos que trafegavam juntos pela GO-469, fizeram menção de que atenderiam a sinalização dos policiais para que encostassem, mas fugiram em alta velocidade.

Após intensa perseguição, os suspeitos que estavam em um Corolla preto conseguiram escapar, mas quatro ocupantes de um Ônix foram baleados quando pararam ao lado de uma mata, e tentaram fugir correndo a pé, atirando contra os policiais. Eles ainda foram socorridos, mas morreram no Hugol.

Dentro do Ônix, foram encontradas roupas escuras, toucas ninja, luvas, e ferramentas usadas para arrombar caixas eletrônicos. Um dos mortos foi identificado como Arisvan de Faria Santos, de 24 anos.

Segundo a PM, Arisvan já foi preso anteriormente por furtos e roubos a bancos em Goiás, e em outros estados. Os outros três mortos no confronto ainda não tiveram suas identidades confirmadas.