Do Mais Goiás

Pyong Lee teve passagem pelo BBB 20 marcada por assédio; relembre

Caso envolveu a sexóloga Marcela e a cantora Flayslane

Pyong Lee teve passagem pelo BBB 20 marcada por assédio; relembre BBB 20: Pyong sonha com filho e Rafa Kalimann diz que foi revelação de Deus
(Foto: Reprodução/Rede Globo)

Pyong Lee está solteiro. Após a Record divulgar uma chamada do reality “Ilha Record”, no qual o ex-BBB aparece deitado na cama ao lado de uma participante, Sammy anunciou que o casamento com o hipnólogo acabou. Acontece que, muito antes dessa polêmica no reality da emissora do bispo Edir Macedo, Pyong se envolveu em uma treta no BBB 20, onde foi acusado de assédio.

Para quem não se lembra, durante a festa “Guerra e Paz”, no dia 9 de fevereiro de 2020, Pyong tentou beijar a sexóloga Marcela a força. Para piorar, passou a mão no bumbum da cantora Flayslane. Vale lembrar que Pyong já estava com Sammy, que na época estava grávida.

A situação fez com que o público do BBB pedisse a expulsão do hipnólogo. O caso até gerou uma investigação da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher de Jacarepaguá, Rio de Janeiro.

Após sua eliminação, Pyong Lee afirmou que o saldo de sua participação no BBB 20 “foi positivo”, mesmo perdendo o nascimento do filho, Jake, e sendo acusado de assédio.

Ao sair do BBB, ele publicou um texto com referências às acusações de assédio às participantes Flayslane e Marcela. “Errei mesmo, exagerei na questão da festa. Eu já pedi desculpa e peço novamente a quem se sentiu ofendido e a quem se chateou de alguma forma. Mas lá dentro mesmo eu fui atrás das pessoas. Elas mesmas disseram que não era nada e acabaram se desculpando”, escreveu.

“Não vi de fato o que aconteceu e não lembro. Acho um pouco forte as pessoas acusarem e falarem que foi assédio. Acho que o importante é reconhecer o erro, se arrepender”, continuou o ex de Sammy.

“Me faltam forças”

Os boatos de que Pyong teria traído Sammy no programa ‘Ilha Record’ estão há semanas circulando nas redes sociais. No dia 11 deste mês a própria Sammy negou o suposto affair de Pyong com outra mulher, dizendo que o marido não havia caído em tentação naquela vez (ele já havia traído a esposa, e o casal culpou o demônio).

Agora, Sammy afirma que mentiu para tentar salvar o casamento. Além disso, ela se lembrou do filho que tem com Pyong, Jake, de 1 ano.

“Vocês sabem o quanto eu tentei, o quanto errei em mentir para mim, para salvar esse casamento. Jesus, o que eu faço? Entrego minha vida em tuas mãos, Deus, por favor não deixa meu filho sentir a dor. Filho, escrever isso com você no colo é doloroso demais”, escreveu no Instagram.

“Sim, meu casamento chegou ao fim. Me faltam forças para digitar mais alguma coisa”, continuou.

A chamada de ‘Ilha Record’ divulgada pela emissora exibiu um compilado de cenas do confinamento. No vídeo aparecem termos como “brigas, competição, confinamento, festas, intrigas, romance e traição”. O close de Pyong na cama com outra participante aparece entre as palavras “romance” e “traição”.

Durante as gravações do programa, que estreia dia 26 de julho, pipocou nas redes sociais que Pyong teria traído Sammy com a ex-BBB Antonela Avellaneda. A argentina negou que tenha sido pivô de qualquer traição.

Veja a foto de Pyong na cama com outra mulher AQUI!