Violência nos estádios

Projeto de lei visa barrar entrada de torcedores violentos nos estádios

Melhorias seriam de responsabilidade dos administradores das praças esportivas e multas seriam revertidas para Secretaria Municipal de Educação e Esporte


Joao Paulo Alexandre
Do Mais Goiás | Em: 20/10/2017 às 11:50:20

(Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)

O vereador Paulo Daher (DEM) apresentou um projeto de lei na Câmara Municipal de Goiânia que visa a melhorar a identificação de torcedores que frequentam as praças esportivas com capacidade superior a 10 mil pessoas. Essa medida seria realizada a partir de uma identificação biométrica nas entradas e do monitoramento por imagem de toda área utilizada. Isso viria a diminuir o número de violência e quebradeira de torcidas dentro e fora dos estádios em dias de jogos, principalmente em dias de clássicos com maiores rivalidades.

A proposta traz como objetivo constituir um banco de dados das pessoas que possuem um histórico de violência nas áreas internas e externas dos estádios. Também busca realizar um cruzamento de dados, em tempo real, com outros bancos de informações de órgãos de segurança.

A proposta ainda propõe proibir a entrada de pessoas que possuem históricos de violências nos estádios. Caberá multa à entidade responsável pela organização do evento caso haja descumprimento. O valor arrecadado deverá ser revertido para a Secretaria Municipal de Educação e Esporte, para investimentos na área.

A administração do estádio deverá investir em toda a aparelhagem necessária, assim como a instalação e manutenção dos equipamentos para que a lei passe a vigorar.