Empreender

Programa Centelha vai investir até R$ 60 mil em projeto de empreendedores; inscrição termina na segunda

Empreendedores têm até 2ª feira para lançar suas ideias na plataforma. Até o momento, cerca de 700 ideias inovadoras já foram cadastradas na plataforma.


Da Redação
Do Mais Goiás | Em: 19/10/2019 às 08:02:12

Empreendedores têm até 2ª feira para lançar suas ideias na plataforma
Empreendedores têm até 2ª feira para lançar suas ideias na plataforma

Termina na próxima segunda-feira (21), o prazo para as inscrições no Programa Centelha. A iniciativa busca fomentar a comunidade empreendedora de Goiás e irá fornecer até R$ 60 mil para cada um dos 28 projetos selecionados no estado. Até o momento, cerca de 700 ideias inovadoras já foram cadastradas na plataforma.

A inscrição é gratuita e deve ser realizada na página https://go.programacentelha.com.br/. Podem participar pessoas físicas sem nenhuma empresa constituída ou Microempresas ou Empresas de Pequeno Porte (MEEPP), com data de constituição de até 12 meses anteriores à data de lançamento do edital, realizado em 4 de setembro de 2019.

Ideia inovadora

A seleção das propostas de negócio será realizada em três etapas: inscrição de ideias, elaboração de projeto do empreendimento e elaboração do projeto de fomento. Após a seleção, o programa oferecerá ainda orientação e capacitação para abertura das empresas e pré-incubação durante seis meses.

Na fase de inscrição, os candidatos deverão evidenciar especialmente o problema que sua ideia inovadora soluciona e suas oportunidades. Será preciso também descrever as características básicas da solução e diferenciar seu valor inovador diante do que já existe no mercado.

O perfil da equipe e sua capacidade de execução da proposta também serão avaliados no momento de inscrição da ideia. As equipes poderão ser compostas por até cinco membros, sendo um deles o coordenador do projeto.

O fomento será concedido na modalidade de subvenção econômica, o que significa que não precisará ser pago ou reembolsado. A verba poderá ser investida no custeio de despesas do negócio, como hospedagem, alimentação, passagens aéreas ou terrestres, materiais de consumo e serviços terceirizados.