Celebridades

Prior afirma conhecer apenas uma das mulheres que o acusam de estupro e assédio

O ex-BBB esteve na Delegacia da Mulher de São Paulo nesta sexta-feira (24)


Rayana Caetano
Do Mais Goiás | Em: 24/04/2020 às 20:21:16
Murillo Soares
Do Mais Goiás | Em: 24/04/2020 às 20:21:16

O Ministério Público de São Paulo denunciou hoje (6) Felipe Prior, ex-participante do BBB deste ano, por dois estupros e tentativa de estupro (Foto: Divulgação)
O Ministério Público de São Paulo denunciou hoje (6) Felipe Prior, ex-participante do BBB deste ano, por dois estupros e tentativa de estupro (Foto: Divulgação)

O ex-BBB Felipe Prior foi à 1ª Delegacia de Polícia da Defesa da Mulher de São Paulo na tarde desta sexta-feira (24) para prestar depoimento sobre os casos em que fora acusado de assédio, estupro e tentativa de estupro. Ele negou os crimes, segundo informações da Folha.

Ainda conforme a reportagem, ele afirmou que conhece apenas uma das três mulheres que o acusaram. Ele também teria tentado mostrar incoerências e contradições no depoimento das jovens.

As três mulheres já prestaram depoimentos. Agora, a polícia ouvirá as testemunhas de defesa de Felipe Prior.

Habeas Corpus

Na semana passada, o Prior teve um habeas corpus preventivo negado pela Justiça de São Paulo. A juíza à frente do caso, segundo informações da revista Quem, informou que a defesa do ex-BBB não forneceu todas as informações necessárias para a análise adequada do documento.

Em nota, os advogados de Prior confirmaram que a liminar foi indeferida. Também sublinharam que o arquiteto ainda “não tomou conhecimento formal” do inquérito policial instaurado.

Entenda as acusações contra Felipe Prior do BBB 20

Assim que foi eliminado do BBB 20, no dia 31 de março, vieram à tona acusações de três mulheres que acusaram o arquiteto Felipe Prior de assédio, estupro e tentativa de estupro. As denúncias foram publicadas em primeira mão pela revista Marie Claire dia 3 de abril.

Conforme as denúncias, os crimes teriam acontecido durante os jogos universitários das faculdades de arquitetura e urbanismo de São Paulo (InterFAU). Em nota, a organização do evento afirmou que Prior foi banido após as acusações.

No mesmo dia, Felipe usou as redes sociais para se pronunciar sobre o assunto. No vídeo, ele afirmou ser inocente e disse estar “muito chateado” com a situação.

*com informações da Folha e da Quem