Acordo

Primeira parcela da dívida com rede credenciada do Ipasgo é paga

Quitação foi referente aos débitos dos meses de setembro e outubro do ano passado


Thais Lobo
Do Mais Goiás | Em: 08/02/2019 às 08:22:17

Presidente do Ipasgo, Silvio Fernandes durante reunião com Comitê das Entidades Médicas do Estado de Goiás | Foto: Divulgação
Presidente do Ipasgo, Silvio Fernandes durante reunião com Comitê das Entidades Médicas do Estado de Goiás | Foto: Divulgação

As dívidas do Instituto de Assistência dos Servidores Públicos do Estado de Goiás (Ipasgo) em relação aos prestadores de serviço de saúde credenciados começara a ser pagas. Nesta quarta-feira (6), foram quitados os valores referentes aos meses de setembro e outubro de 2018, que deveriam ter sido liquidados em dezembro.

Segundo o instituto, cerca de 3,7 mil prestadores – pessoas físicas e pessoas jurídicas –, que apresentaram as notas referentes aos meses de setembro e outubro até o período da manhã do dia 18 de janeiro, bem como as certidões, estão com esses recebimentos atualizados até o momento.

O pagamento foi acordado em reunião, realizada no dia 25 de janeiro, do novo presidente do Ipasgo Silvio Fernandes com os integrantes do Comitê das Entidades Médicas do Estado de Goiás (Cemeg), grupo formado pela Academia Goiana de Medicina (AGM), Associação Médica de Goiás (AMG), Cremego e Sindicato dos Médicos no Estado de Goiás (Simego).

Silvio Fernandes reforça que o objetivo da nova gestão é sanear as contas do Ipasgo e estabelecer um relacionamento de transparência e confiança com os usuários do plano de saúde e a rede credenciada. Neste primeiro momento, ele afirma que os esforços estão voltados para o pagamento das dívidas herdadas.

O presidente do Ipasgo diz que as dificuldades financeiras do órgão são graves. Além da dívida com os prestadores de serviço, que começou a ser paga agora em fevereiro, há um déficit mensal de R$ 10,5 milhões. Fernandes recorda ainda que os valores recolhidos dos servidores em novembro e dezembro de 2018 não foram repassados ao órgão no ano passado e somam R$ 89.239.090,16.

Calendário

Após essa primeira etapa de pagamentos, o presidente do Ipasgo trabalha para anunciar ainda neste mês de fevereiro um novo calendário para quitar as dívidas referentes ao mês de novembro do ano passado. “Neste momento, estamos trabalhando em etapas porque os débitos herdados estão impactando negativamente nas contas do Ipasgo. Vamos colocar ordem na casa e assim que possível vamos anunciar os pagamentos dos atrasados e também um calendário para o decorrer do ano. Gostamos de trabalhar com organização e um diálogo firme e sincero”.