Do Mais Goiás

Presos suspeitos de furtarem tijolos do prédio da GCM para construir quiosque, em Goiânia

Caso aconteceu no último domingo (25)

Presos suspeitos de furtar tijolos do prédio da GCM para construir quiosque, em Goiânia (Foto: Divulgação/GCM)
Presos suspeitos de furtar tijolos do prédio da GCM para construir quiosque, em Goiânia (Foto: Divulgação/GCM)

Dois homens, de 22 e 35 anos, foram presos na noite deste domingo (25), suspeitos de furtarem tijolos do prédio da Guarda Civil Metropolitana (GCM) de Goiânia. O local, que fica no setor Jardim Califórnia, passa por obras e será usado como base da GCM. Segundo apurado pelos agentes, os dois “pegaram” os materiais e iriam usá-los para construir um quiosque para pequenos eventos e festas.

Ao Mais Goiás, Vagner Rodrigues, comandante da Ronda Ostensiva Municipal (Romu) da GCM, disse que uma moradora viu a ação dos investigados, filmou o furto e ligou para a guarda, que foi até local indicado por ela. Lá, os agentes encontraram um dos suspeitos, que confessou o crime, entregou o comparsa e o lugar onde estariam os matérias. Ambos foram levados para a Central de Flagrantes. Se condenados, responderão por furto qualificado. Eles não tinham antecedentes criminais.

Vagner revelou que os dois tinham acabado de fazer o alicerce da obra, onde o quiosque estava sendo construído, e furtaram os 300 tijolos para começar a levantar as paredes do local.

O comandante alerta sobre a importância da denúncia por parte da população. “A moradora fez um vídeo com três segundos. Mas esses três segundos foram determinantes para a prisão deles. A participação da população é uma coisa sensacional”, afirma.

Assista ao vídeo da moradora: