Suspeito de roubar 20 pessoas em assalto a ônibus é preso em Luziânia

Durante o assalto à ônibus, a cobradora e outros 19 passageiros tiveram seus pertences levados

Foto mostra jovem rapaz, com curto bigode olhando para a câmera. Ele é suspeito de um assalto à ônibus na cidade de Luziânia, interior de Goiás
Suspeito de roubar 20 pessoas em assalto à ônibus é preso em Luziânia (Foto: Divulgação/PC)

Suspeito de um assalto a ônibus na cidade de Luziânia, no entorno do Distrito Federal, está preso temporariamente junto com outro suposto comparsa no crime. De acordo com a Polícia Civil, o assalto aconteceu no último dia 29 de dezembro, no Jardim Ingá. Três rapazes invadiram o coletivo e anunciaram o assalto. Durante o roubo, a cobradora do ônibus e 19 passageiros tiveram seus pertences levados.

Segundo a polícia, os homens agiram de maneira violenta, ameaçando os passageiros com arma de fogo. “O investigado, que hoje está preso, deu um tapa no rosto de uma mulher e disse que não queria moeda, porque moeda não era dinheiro!”, detalhou a corporação em nota.

O jovem já havia sido preso em outras ocasiões também por crimes de roubo. O crime tem pena prevista de quatro a 10 anos de prisão e multa, conforme o artigo 157 do código pena. 

Suspeitos do assalto a ônibus estão presos

Na época em que o crime aconteceu, a polícia prendeu um dos três supostos envolvidos após o reconhecimento de uma das vítimas que, ‘afirmou com absoluta certeza a presença do homem no local. Porém, o segundo suspeito só foi detido nesta terça-feira (10). O terceiro homem continua foragido.

O jovem preso durante essa semana, teve a imagem divulgada pelos agentes civis com a finalidade de esclarecer outras investigações em andamento e encorajar testemunhas ou vítimas a comparecerem na Delegacia. A divulgação foi permitida com base nos termos da Lei nº. 13.869/2019, portaria n.º 02/2020 – PC e Despacho do Delegado Geral n.º 000010828006.

Dados de assalto a ônibus

Em Goiás, 248 casos de assalto à ônibus foram registrados durante os primeiros seis meses de 2021. Os dados foram divulgados pelo observatório da Secretaria de Segurança Pública de Goiás (SSP-GO).

 

*Larissa Feitosa compõe programa de estágio do Mais Goiás sob supervisão de Hugo Oliveira.