Crise penitenciária

Presídio de Anápolis é alvo de bombas em nova tentativa de fuga de detentos

Explosivos foram detonados na parte externa do muro da unidade prisional. Detentos também cerraram cadeados das celas, mas foram contidos por agentes


Thais Lobo
Do Mais Goiás | Em: 19/02/2018 às 09:32:08

Muro da unidade sofreu um pequeno abalo com as explosões, segundo assessoria da DGAP | Foto: Reprodução
Muro da unidade sofreu um pequeno abalo com as explosões, segundo assessoria da DGAP | Foto: Reprodução

Após quatro detentos fugirem no sábado (17), a unidade prisional de Anápolis registrou nova tentativa de fuga na madrugada desta segunda-feira (19). Desta vez, foram usados explosivos, que foram detonados na parte externa do presídio.

Por nota, a Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP) confirmou que, por volta de 4h10, os explosivos foram detonados. “Na ocasião, detentos do pavilhão B tentaram empreender fuga, mas foram contidos pelo policial militar de plantão que estava na guarita, e que efetuou disparos contra os infratores”, diz o texto.

Apesar dos disparos, não houve feridos. Ainda de acordo com a DGAP, agentes de plantão entraram no pavilhão e contiveram os presos que já haviam serrado os cadeados da celas.

A assessoria de imprensa do DGAP informou ao Mais Goiás que houve apenas um pequeno abalo na estrutura do muro que foi atingido pelos explosivos, mas que o mesmo já está sendo reparado neste momento. A DGAP também abriu procedimento administrativo para apuração dos fatos. O caso foi registrado na Delegacia de Polícia Civil.