Saúde

Prefeitura prepara Dia D de combate ao Aedes Aegypti com obra de Siron Franco

Atividades incluem cortejo fúnebre do mosquito transmissor da dengue e febre chikungunya





//

Nesse sábado (06/12), a Prefeitura de Goiânia realiza o Dia D de Combate à Dengue e à Febre Chikungunya. A ação terá início no Parque Vaca Brava, de onde sairá, às 8h, um “cortejo fúnebre” do mosquito transmissor das duas doenças.

A caminhada transportará uma instalação produzida pelo artista plástico Siron Franco, simbolizando a vitória da capital no combate ao Aedes Aegypti. A caminhada seguirá rumo ao Parque Areião com a participação do artista e do prefeito Paulo Garcia.

A instalação de Siron Franco é um caixão de 10 metros de comprimento e 1,5 metro de altura. Fabricada com lona vinílica e exibe nas laterais fotos do mosquito de pernas para cima, como se estivesse morto.

Segundo o artista, o objetivo é alertar a comunidade sobre o perigo da proliferação. “Eu resolvi aderir a essa campanha porque acredito que uma sociedade só funciona se cada cidadão tiver consciência da sua participação. Eu me sinto no dever de colaborar, porque senão a coisa pode despencar para algo muito perigoso, que é atingir grande parte das pessoas”, disse o artista.

Dia D
O dia D de combate ao mosquito transmissor da dengue e febre chikungunya será realizado em todo país neste sábado, 06, por convocação do Ministério da Saúde.

Em Goiânia a mobilização comandada pela Secretaria Municipal de Saúde, começará às 8h, no Parque Vaca Brava, onde haverá um estande com informações sobre as duas doenças.

Durante o cortejo, agentes de saúde conduzirão a urna do Aedes aegypti segurando nas 14 alças existentes na obra. A intenção da Prefeitura de Goiânia é mostrar que a cidade está pronta para matar o mosquito e combater a dengue e chikungunya. Após o cortejo, os agentes farão um grande mutirão de combate aos criadouros.