GOIÂNIA

Prefeitura tira 20 caminhões de lixo de uma casa sem autorização dos donos

Autorização judicial foi concedida depois que os moradores da residência foram autuados por seis vezes, mas continuaram acumulando objetos no local


Leicilane Tomazini
Do Mais Goiás | Em: 23/07/2020 às 15:59:47

(Foto: Divulgação/Prefeitura de Goiânia)
(Foto: Divulgação/Prefeitura de Goiânia)

Mesmo sem autorização dos donos, a prefeitura de Goiânia realizou nesta quinta-feira (23) a retirada compulsória de lixo em uma casa do Setor Pedro Ludovico, na região Sul da capital. A autorização judicial foi concedida depois que os moradores da residência, mãe e filho, foram autuados por seis vezes, mas continuaram acumulando objetos no local.

A ação contou com equipes da Diretoria de Vigilância em Zoonoses, Comurg, Guarda Civil Metropolitana, Samu e a equipe psicossocial do Distrito Sanitário Sul. Todo o material retirado foi levado para o aterro sanitário da cidade.

Segundo o coordenador de fiscalização da Diretoria de Vigilância em Zoonoses, Jadson Moreira Lima, a prefeitura já havia intervindo para que a família desapegasse do material acumulado, inclusive com atendimento psicossocial. Eles, no entanto, não aceitaram nenhum tipo de tratamento e continuaram acumulando materiais.

O coordenador reforçou que além de ser um ambiente propício para proliferação do mosquito Aedes aegypti, o local atraía outros animais como ratos, baratas e escorpiões. Existia também o risco de incêndio, pois havia uma grande quantidade de materiais inflamáveis como papelão e garrafas pets. “A casa era alvo de denúncias toda semana”, explicou.

Jadson informou também que a Justiça autorizou realizar a limpeza compulsória em todos os imóveis de Goiânia em situação semelhante. “Após a intimação, é dado um prazo de dez dias para realização da limpeza. Caso a solicitação não seja atendida, nós programamos a ação de limpeza compulsória”, finalizou.