Inclusão social

Prefeitura de Goiânia e Atlético Goianiense lançam Projeto Petigool

Projeto visa retirar 100 crianças do trabalho precoce, insalubre e degradante e inseri-las na prática esportiva




A Prefeitura de Goiânia, através da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas), e em parceria com o Atlético Clube Goianiense (ACG), lança o Projeto Petigool.

A solenidade acontecerá na próxima quinta-feira (19/03), no Centro de Concentração e Treinamento (CCT) do Atlético, localizado na Rua Vitória Régia, Qd. 01, Lt. 20, Setor Urias Magalhães, e terá as presenças da titular da Assistência Social, Maristela Alencar, e do presidente-executivo do clube, Maurício Sampaio, além dos jogadores atleticanos, o goleiro Márcio e o zagueiro Lino.

O projeto-piloto, desenvolvido pelo Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti) da Semas, tem como objetivo promover a inclusão social em práticas esportivas de crianças e adolescentes, de 7 a 16 anos, atendidas no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) Primavera. Com um período de dois anos, o projeto busca afastar os participantes do trabalho precoce, insalubre e degradante.

Para manter as crianças no projeto, as famílias deverão assumir os compromissos de retirar as crianças e adolescentes de atividades laborais e manter a frequência, tanto escolar como no Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), de no mínimo 85%, no contraturno escolar.

O projeto será desenvolvido dentro da sede da unidade de Assistência Social e incluirá 100 crianças e adolescentes. Durante sua execução, a Semas oferecerá atendimentos multidisciplinares nas áreas de assistência social, psicologia e pedagogia, além de alimentação e uniforme completo com camiseta, short, bola, meia e chuteira.

Já o Atlético entrará com um treinador que ministrará aulas de futebol, de segunda a sexta-feira, para que elas sejam treinadas na disciplina esportiva, com o objetivo de desenvolver seu potencial para os esportes e o espírito de companheirismo, proporcionando-lhes maior estímulo, permanência e assiduidade no programa.

Tópicos