COVID-19

Prefeito libera população do uso obrigatório de máscara em Terezópolis de Goiás

Não é mais obrigatório o uso da proteção nas ruas e nos parques


Eduardo Pinheiro
Do Mais Goiás | Em: 08/01/2021 às 12:53:21

Máscara detectará se usuário tem coronavírus (Foto: Divulgação)
Máscara detectará se usuário tem coronavírus (Foto: Divulgação)

O prefeito recém empossado de Terezópolis de Goiás, Uilton Pereira (PSC), o Uiltinho, editou um decreto que flexibiliza a utilização de máscaras em vias públicas, ruas e parques do município. O documento, no entanto, prevê a utilização da proteção facial em templos religiosos, comércios e repartições públicas.

Uilton Pereira argumenta, em áudio repassado por aplicativo de mensagens, que os moradores da cidade comemoraram a publicação do decreto e que críticas à liberação do uso de máscaras no município partiram do adversário derrotado na eleição 2020, Ricardo Yano (PP).

“Pergunta o padre, o pastor, pergunta aos líderes evangélicos se eles estão descontentes com os decretos. Pergunta à população na rua, se eles estão descontentes. Tem que parar de hipocrisia”, diz o áudio publicado no Diário de Goiás.

O estado de Goiás apresenta curva ascendente de contaminação pela covid-19. Especialistas avaliam que a subida dos casos pode ser grande em janeiro, devido principalmente às festas de fim de ano e às férias de verão. Segundo o boletim da Secretaria de Estado da Saúde, foram 313.230 casos e 6.901 causadas pela covid-19.

As autoridade sanitárias apontam que, enquanto a população não tiver imunizada com vacinas, a melhor forma de evitar o contato é o distanciamento social e o uso de máscaras.

O Mais Goiás tentou contato com o prefeito por telefone e mensagem de aplicativo, mas não obteve resposta até o fechamento da matéria. O espaço continua aberto para a livre manifestação.