Do Mais Goiás

Preço da gasolina chega a R$ 6,27 em Goiânia; etanol é encontrado por R$ 4,87

Valores refletem altas constantes do álcool anidro, componente utilizado na mistura da gasolina que custa R$ 3,39 o litro na usina

Preço da gasolina e do etanol em Goiânia (Foto: Jucimar Sousa / Mais Goiás)

O preço do combustível voltou a subir nas bombas dos postos em Goiânia. Na manhã desta terça-feira (8), o valor do litro da gasolina está em R$ 6,27 e do etanol em R$ 4,87 em alguns estabelecimentos. O Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo do Estado (Sindiposto-GO) aponta que os preços refletem altas constantes do álcool anidro, componente utilizado na mistura da gasolina, com litro a R$ 3,39 na usina.

Na semana passada, o aumento já havia sido registrado no etanol hidratado, na indústria. Com isso, os preço nas bombas subiram por volta de 0,18. Nesta semana, houve mais reajuste, que resultou em novo aumento, chegando a mais de R$ 6 no caso da gasolina e quase R$ 5 no etanol.

O presidente do Sindiposto, Marcio Andrade, aponta para atipicidade do preço do etanol. Segundo ele, nesta época, de safra é esperado queda nos valores, mas neste ano não ocorreu. A justificativa apontada pelos produtores é de aumento do custo da produção no campo e atraso na safra devido a falta de chuvas.

Marcio Andrade explica ainda que não houve alterações nas refinarias nem na Petrobrás, por isso o grande impacto atual no preço vem do valor do etanol na indústria. Segundo ele, isso afeta o consumo, prejudicando também os proprietários de postos.

“A nossa margem de lucro é pequena. Quando há aumento no preço, afugenta o consumidor, o que torna difícil para o dono do posto manter o capital de giro. Neste sentido, aumento da gasolina é ruim para os donos e pior para o consumidor”, avalia.