Atenção motorista!

Polícias alertam para retorno do feriado em rodovias que cortam Goiás

Movimentação intensa deve ser registrada em rodovias que ligam interior a Goiânia, BR-153, BR-060 e BR-414. Descanso das festas é importante, alertam


Jairo Menezes
Do Mais Goiás | Em: 01/01/2018 às 10:29:39

(Foto: PRF)
(Foto: PRF)

Fim do feriado prolongado do Ano Novo e é hora de voltar para casa. No entanto, a atenção deve ser redobrada, depois da comilança e bebedeira. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Batalhão Rodoviário (PM) alertam para evitar acidentes. Apenas nas rodovias federais, no mesmo período do ano passado, o número de mortes chegou a nove. Há alerta para restrição de trânsito de veículos pesados no final do dia.

“O retorno sempre acontece depois de alguns exageros; na comida, na bebida, ou somente no tempo que passou sem dormir. Por isso é imprescindível que o motorista tenha cuidado e possa evitar essa viagem ‘ressaqueado’”, indica o inspetor Newton Morais, da PRF. Ele orienta que o motorista tire algumas horas de sono antes de pegar na direção do veículo de volta para casa.

A pressa também é inimiga da chegada em paz, segundo o inspetor. Nesses períodos em que todas as pessoas estão retornando para as suas cidades, há grandes possibilidades de trânsito intenso nas rodovias e, apesar de maioria estar em boas condições, a velocidade é fator preocupante. “Excesso de velocidade é o principal motivo das multas. Mas também é o motivo número um dos acidentes com maior gravidade, inclusive com mortes”, alerta.

Segundo o coronel Márcio Vicente, comandante do Batalhão Rodoviário, responsável pelas rodovias estaduais, policiais foram convocados até da folga para ajudarem em um retorno com segurança. “Nesse ano acreditamos que os índices serão bem inferiores. Dependendo da nossa fiscalização e da quantidade de policiais que disponibilizamos para estarem em maioria das rodovias, a estatística vai fechar com números melhores.”

Muita atenção para que todos os passageiros usem cinto de segurança, crianças na cadeirinha, aferição de documentos do veículo e do condutor, além de obedecer as regras de excesso de velocidade e ultrapassagens em locais proibidos sempre são os principais registros de infrações. “sabendo o que mais chama para multas, o motorista que for atento vai evitar ser um infrator”, garante Newton Morais.

Há restrição para veículos pesados das 16 horas até às 22 horas. Quem perceber algum motorista dirigindo de forma perigosa, deve entrar em contato pelo 191 (rodovias federais) e 198 (rodovias estaduais).