Tumulto

Polícia vai investigar suposta agressão contra clientes em bar do Setor Marista

As vítimas registraram boletim de ocorrência no 8º Distrito Policial de Goiânia e já prestaram depoimento


Karla Araujo
Do Mais Goiás | Em: 28/03/2017 às 18:29:14

Suposta agressão aconteceu em um bar localizado no Setor Marista (Foto: Reprodução)
Suposta agressão aconteceu em um bar localizado no Setor Marista (Foto: Reprodução)

Um tumulto ocorrido na noite do último domingo (26) no Alabama Choperia e Restaurante, localizado no setor Marista, em Goiânia, vai ser investigado pelo 8º Distrito Policial de Goiânia. Um cliente do bar, que preferiu não se identificar, afirma que ele e um amigo foram agredidos pelos seguranças do estabelecimento quando tentavam sair do local.

De acordo com o cliente, ele estava no bar com outras seis pessoas quando decidiu ir embora com outro amigo. O restante das pessoas da mesa continuaria consumindo. Ele diz que pagou cerca de R$ 800 da conta e o restante seria quitado pelas pessoas que ainda estavam na mesa.

“Eu tenho o comprovante de que paguei a conta antes. Eles nos pegaram pelo pescoço, levaram para um canto e bateram muito na gente. Mesmo se eu não tivesse pagado a conta, eles não tinham direito de nos bater”, conta o cliente.

De acordo com o delegado titular do 8º DP, Alessandro Tadeu Carvalho Lopes, as vítimas registraram boletim de ocorrência e já foram ouvidas. Os seguranças envolvidos na confusão devem ser chamados amanhã (29) para prestar esclarecimentos.

Por nota, a advogada do Alabama, Sarah Ferreira, informou que a política do estabelecimento é receber todos os clientes e amigos da melhor forma possível, o que é possível perceber diante do sucesso da casa na capital goiana há quase 4 anos, recebendo mais de 1500 clientes semanais, e que os colaboradores jamais praticam agressões contra os clientes.