Crime

Polícia prende suspeito por tentativa de homicídio em boate na Avenida Anhanguera

PM consegue chegar a duas pessoas que supostamente participaram do caso a partir do celular de um deles encontrado no local




Matheus Henrique do Vale foi detido na manhã desta quarta-feira (12) por suspeita de tentativa de homicídio na madrugada na Boate Gran Hill’s, na Avenida Anhanguera, em frente ao Hospital de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol), no Setor Santos Dumont.

De acordo com a Polícia Militar, ao chegar no local do crime, a equipe encontrou o celular de Matheus, que foi convencido a encontrar os policiais. A PM disse que o suspeito teria disparado de cinco a seis vezes contra a vítima, que estava na porta da boate e ficou ferida. Matheus foi preso em sua casa, na Vila João Vaz.

Matheus teria fugido do local do crime em um Honda Civic prata. Ao chegar para entregar o celular a Matheus, os policiais prenderam o suspeito de disparar contra a vítima. Pelas imagens das câmeras de segurança da boate, a PM verificou que Matheus era o autor da tentativa de homicídio.

O suspeito detido teria dito aos policiais que a arma de fogo estaria com um rapaz identificado como Markin. A PM informou que Markin não estava no local, que seria o “comparsa” de Matheus, mas na casa foi encontrado outro homem com um revólver calibre 32 guardado, que não seria a arma do crime. Esse rapaz, que não teve seu nome divulgado, foi preso por posse ilegal de arma de fogo.

Em busca pelo outro suspeito de participação no crime, a polícia foi aos setores Estrela Dalva e Vila Finsocial, quando encontrou o Honda Civic utilizado por Matheus e Markin, que também foi detido. A arma do crime não foi encontrada. Os três foram encaminhados à Polícia Civil.