Crime passional

Polícia prende homem suspeito de matar o namorado da ex-mulher

Motorista confessou o crime, ocorrido na madrugada do último dia 30, no setor Madre Germana 1, em Goiânia





//

Com a ajuda de vizinhos e testemunhas, a polícia descobriu que o motorista de caminhão Anderson Rodrigues de Oliveira, de 38 anos, foi quem matou com três tiros na madrugada do último dia 30 de agosto no Madre Germana 1, em Goiânia, Ricardo Alves Medeiros Dias, de 28 anos. O crime, conforme relatou o próprio acusado, foi cometido por ciúmes, uma vez que a vítima namorava há duas semanas com a ex esposa do autor.

Conforme apurou o Delegado Paulo Ludovico, adjunto da Delegacia de Investigações de Homicídios, Ricardo Medeiros e Valmisória Machado de Brito, de 30 anos, chegavam na casa dele, na Rua Ana Maria Medeiros, por volta das 4 horas, quando o veículo em que estavam foi fechado por um Golf preto dirigido por Anderson Rodrigues, que já desceu de arma em punho e atirou. Ricardo ainda tentou fugir correndo a pé mas morreu ao ser atingido por tiros nas costas, peito e coxa. O mesmo disparo que atingiu o peito também perfurou a mão da vítima.

Em depoimento, Anderson Rodrigues, que foi casado durante sete anos com Valmisória e estava separado há três meses disse que perdeu a cabeça após ver a moto da ex esposa na casa de Ricardo e ela aos beijos com ele. A suspeita é de que o motorista, ao ver que a moto de Valmisória estava na casa de Ricardo tenha passado a madrugada toda nas proximidades à espera do casal.

Preso por força de um mandado de Prisão Preventiva cumprido na última quinta-feira Anderson Rodrigues aguarda julgamento na Casa de Prisão Provisória. Em depoimento, Valmisória disse que tem medo do ex companheiro, tanto que ao presenciar a execução do namorado fugiu correndo a pé e permaneceu alguns dias escondida na casa de parentes.