MILITAR DA RESERVA REMUNERADA

Polícia Militar registra mais uma morte por covid-19 em Goiás

Claudia Barbosa ingressou na PM no ano de 1998 e permaneceu na instituição até o ano de 2015


Jessica Santos
Do Mais Goiás | Em: 11/09/2020 às 09:42:43

A Polícia Militar de Goiás (PM-GO) registrou mais uma morte por covid-19 na corporação. Foto: reprodução/redes sociais)
A Polícia Militar de Goiás (PM-GO) registrou mais uma morte por covid-19 na corporação. Foto: reprodução/redes sociais)

A Polícia Militar de Goiás (PM-GO) registrou mais uma morte por covid-19 na corporação. A 3º sargento Claudia Pereira Barbosa de Oliveira, de 48 anos, não resistiu às complicações causadas pelo novo coronavírus e foi a óbito na última quinta-feira (10). O marido dela, o major Márcio Antônio Siqueira de Oliveira, e a filha do casal estão internados em tratamento contra a doença.

Claudia Barbosa ingressou na PM no ano de 1998, no Curso de Formação de Soldados, e permaneceu na instituição até o ano de 2015. Em nota, a corporação lamentou o ocorrido e se solidarizou com a família e amigos, “manifestando as condolências pela partida dessa profissional exemplar e pessoa tão querida”.

O Colégio da Polícia Militar de Palmeiras de Goiás também emitiu nota nas redes sociais em homenagem à sargento. “Lamentamos o falecimento da sargento Cláudia de Oliveira, onde esteve ao lado de seu esposo quando comandante desta instituição, muito querida pelos alunos, corpo docente e militar. […] Deixamos nossa continência  e nossas condolências aos familiares. A nobre colega combateu um bom combate”.

O major Márcio Antônio de Oliveira, ex-comandante do Colégio Militar de Palmeiras de Goiás, e a filha do casal também estão com covid-19 e seguem internados.

3º sargento Claudia e major Márcio Antônio. Foto: reprodução/redes sociais

Nota da PM:

É com muito pesar que informamos o falecimento da 3º SGT CLAUDIA PEREIRA BARBOSA DE OLIVEIRA, da reserva remunerada, vítima da Covid-19. A Sargento Cláudia ingressou na PMGO no ano de 1998 no Curso de Formação de Soldados, permanecendo na instituição até o ano de 2015. A Policia Militar de Goiás solidariza-se com a família e amigos neste difícil momento de dor, manifestando as condolências pela partida dessa profissional exemplar e pessoa tão querida.

 

Nota do Colégio Militar de Palmeiras:

Em nome do comandante tenente coronel PM Daniel Gomes Da Silva, subcomandante capitão Flávio De Paula Pinto, corpo discente, funcionários e alunos que integram essa instituição de ensino do CEPMG-CESL, lamentamos o falecimento da sargento Cláudia de Oliveira, onde esteve ao lado de seu esposo quando comandante desta instituição, muito querida pelos alunos, corpo docente e militar. Fica nosso luto e lamentos por esta perda tão precoce de nossa nobre colega. Deixamos nossa continência a SGT Cláudia de Oliveira e nossas condolências aos familiares. A nobre colega combateu um bom combate. Luto!