Alexandre Bittencourt
Do Mais Goiás

Polícia localiza procurado por crime cometido em Goiânia há mais de 30 anos

Em ação inédita, outros dois indiciados por assassinatos ocorridos em 2001 também foram capturados

Suspeitos detidos por crime praticado em Goiânia (Foto: Divulgação)
Suspeitos detidos por crime praticado em Goiânia (Foto: Divulgação)

Um homem que estava sendo procurado pela Justiça de Goiás desde 1998 foi localizado e preso esta semana pela Polícia Civil na cidade de Nisia Floresta, no Rio Grande do Norte. Além dele, agentes da Delegacia Estadual de Investigação de Homicídios (DIH) prenderam outros dois homens indiciados como autores de assassinatos ocorridos em 2001, mas que também estavam foragidos da justiça.

“Trata-se de uma nova ação, onde queremos acabar com a sensação de impunidade, tanto para familiares de vítimas de homicídio, quanto para a sociedade, até porque, ao contrário do que a maioria da população imagina, o crime não prescreve quando o autor é identificado e consegue fugir. Neste caso, o processo é suspenso, e só volta a correr quando o indiciado é localizado”, explicou o delegado Ernane Cázer, adjunto da DIH.

O homem localizado no Rio Grande do Norte, segundo o delegado, é suspeito de ter assassinado, em 10 de fevereiro de 1988, um homem que estaria se relacionando com sua ex companheira. Os outros dois presos, um deles localizado em São Félix do Xingu, no Pará, e outro em Serranópolis, Goiás, também seriam autores de crimes passionais, cometidos em 14 de fevereiro, e em 10 de março de 2001.

Nomes dos autores e das vítimas dos crimes, todos ocorridos em Goiânia, não foram divulgados. Dois dos homicídios, segundo o delegado, foram praticados com arma de fogo, e um com arma branca. Os três foragidos que foram recapturados devem ser levados a julgamento ainda este ano, uma vez que os inquéritos já foram concluídos, e remetidos, na época em que os crimes aconteceram, ao Poder Judiciário.